Milhares protestam em Berlim por escândalo da dioxina em animais

Publicado em 24/01/2011 08:46
Milhares de manifestantes protestaram em Berlim no sábado para exigir uma mudança nos métodos de criação de animais e para mostrar a sua raiva por causa de um escândalo causado pela dioxina, uma substância cancerígena, que foi encontrada em alguns ovos, aves e suínos.

O escândalo causado por ração para animais contaminada deixou os consumidores indignados, desencadeou alertas de saúde internacionais e atingiu as vendas de ovos e carne na Alemanha.

Os organizadores do protesto disseram que 22.000 pessoas participaram da manifestação chamada: "Estamos cheios disso. Não à engenharia genética, fábricas de animais e dumping das exportações." Espectadores disseram que cerca de 10 mil pessoas estiveram no protesto.

"Tivemos um amolecimento das regras para o cuidado com o meio-ambiente e da criação de animais nos últimos anos", disse Reinhild Benning, do Friends of the Earth (Amigos da Terra) da Alemanha.

"Isso é um risco para os consumidores, como estamos vendo agora com o escândalo da dioxina, e é algo que eles ainda não querem."

A chanceler alemã, Ângela Merkel, disse na sua transmissão de vídeo semanal que apoiava os esforços do governo para fechar as lacunas do sistema de controle e segurança.

O governo está separando a produção de óleo e gorduras para uso industrial e agrícola, e está introduzindo um novo sistema de licenciamento. Milhares de galinhas foram sacrificadas.

China, Coréia do Sul e Hungria já anunciaram restrições às importações de carne da Alemanha, depois que o escândalo veio à tona, no dia 3 de janeiro. A Rússia manifestou sua preocupação e vem mantendo conversas com autoridades alemãs.

Dioxinas são venenos formados pela queima de resíduos e por outros processos industriais, e está provado que aumentam o risco de câncer e também afetam mulheres grávidas.

Na sexta-feira as autoridades alemãs que investigam o escândalo disseram que conseguiram localizar a fonte da dioxina: óleo usado em frituras que passou por uma transformação industrial.

Fonte:
Reuters

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

1 comentário

  • Paulo Roberto Rensi Bandeirantes - PR

    Sr. João Olivi desculpe-me, mas não posso deixar de externar minha indignação diante de um artigo "TENDENCIOSO" como este , veiculado pela Reuters. No 1º paragrafo , parte de texto ...." que foi encontrada em alguns ovos, aves e suínos.".... O que "AGRIDE" é a palavra " alguns", que de alguma forma , tenta minimizar o "evento". Pode ser "alguns" unidades, como pode ser "alguns" milhões .Acho que deveriam ser mais ÉTICOS , Quando vamos assistir a EXCLUSÃO DA HIPOCRISIA NOS MEIOS DE COMUNICAÇÃO ?? Os leigos que lêem a noticia , com certeza irão "SURFAR" na "TENDÊNCIA" imposta sutilmente . ...." E VAMOS EM FRENTE ! ! ! "

    0