Alimentos mantêm queda e inflação em SP desacelera

Publicado em 17/03/2011 08:00 116 exibições
A inflação ao consumidor em São Paulo desacelerou em meados do mês, devido a menores variações de uma série de produtos.

O Índice de Preços ao Consumidor (IPC) avançou 0,36 por cento na segunda quadrissemana de março, ante 0,44 por cento na primeira, informou a Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) nesta quinta-feira.

Os preços do grupo Alimentação aceleraram a queda para 0,41 por cento nesta leitura, comparado a recuo de 0,39 por cento na anterior.

Os de Habitação subiram menos, em 0,42 por cento na segunda quadrissemana, após 0,58 por cento na primeira. Os custos de Despesas pessoais tiveram alta de 0,79 por cento agora, abaixo da taxa de 1,12 por cento antes.

Os preços de Saúde também subiram em ritmo menor, em 0,55 por cento, comparado a 0,69 por cento.

Já os custos de Transportes tiveram elevação mais forte nesta leitura, de 1,07 por cento, depois de avançarem 0,89 por cento na primeira quadrissemana do mês.

O IPC da segunda quadrissemana mediu os preços de 15 de fevereiro a 15 de março.

O IPC mede a variação dos preços no município de São Paulo de famílias com renda até 20 salários mínimos.

Fonte:
Reuters

0 comentário