Grécia mantém bolsas da Ásia no vermelho

Publicado em 17/06/2011 08:44 184 exibições
As bolsas asiáticas encerraram o último pregão da semana registrando perdas, com os investidores temerosos de que um default na Grécia provoque um efeito dominó nos mercados de todo o mundo.

Em Tóquio, o Nikkei 225 baixou 0,64%, para 9.351,40 pontos, com as ações do setor exportador contribuindo para o resultado negativo. Os papéis da Sony recuaram 0,55% e os da Toyota, 0,63%.

Na bolsa de Hong Kong, o índice Hang Seng teve queda acentuada, de 1,17%, aos 21.695,30 pontos, apesar da valorização de 1,31% nas ações da PetroChina. O Shanghai Composite, da bolsa de Xangai, caiu 0,81%, para 2.642,82 pontos, e em Taipé, o Taiwan Taiex perdeu 0,21%, aos 8.636,10 pontos.

Em Seul, o índice Kospi teve retração de 0,72%, marcando 2.031,93 pontos. Destaque para o setor de tecnologia, com as ações da Samsung recuando 3,42%, enquanto as da LG Electronics teve queda de 2,65%.

Já o S&P/ASX 200, da bolsa de Sydney, seguiu na contramão e subiu 0,13%, para 4.484,90 pontos. A valorização foi puxada pelos bancos, que nos últimos dias haviam sofrido fortes perdas. As ações do Commonwealth Bank Australia, do Westpac e do National Australia Bank avançaram 0,53%, 0,52% e 0,41%, respectivamente. Já as mineradoras ficaram em campo negativo, com os papéis da Rio Tinto caindo 0,74% e os da BHP Billiton, 0,12%.

Fonte:
Valor Online

0 comentário