Bolsas europeias caem pelo terceiro dia com temores sobre crise

Publicado em 18/07/2011 15:03 196 exibições
Os principais índices acionários da Europa fecharam em queda pelo terceiro pregão consecutivo com os temores em relação à crise de dívida soberana do bloco. Na sexta-feira, após o fechamento dos mercados, a Autoridade Bancária da Europa divulgou o resultado do teste de estresse dos bancos europeus, no qual oito dos 90 bancos analisados não alcançaram o capital mínimo de referência, chamado de Tier 1, de 5% do patrimônio. O mercado segue apreensivo ainda com o impasse nas discussões no Congresso americano sobre o limite de endividamento dos Estados Unidos.

O índice FTSE, de Londres, recuou 1,55%, para 5.752,81 pontos; o CAC 40, de Paris, perdeu 2,04%, aos 3.650,71 pontos; o DAX, de Frankfurt, caiu 1,55%, aos 7.107,92 pontos; o IBEX 35, de Madri, caiu 1,44%, aos 9.347,80 pontos; e o FTSE MIB, de Milão, diminuiu 3,06%, aos 17.885,74 pontos.

Os líderes europeus vão se reunir na quinta-feira para discutir um segundo pacote de resgate para a Grécia. O encontro foi convocado pelo presidente do Conselho Europeu, Herman Van Rompuy. Os europeus estão divididos sobre a participação do setor privado no novo plano de socorro aos gregos. As discussões sobre esse resgate provocaram uma nova onda de especulações nos mercados, elevando o custo dos empréstimos da Itália e Espanha. Existe o temor de que esses dois países sejam os próximos a ser contaminados pela crise da dívida europeia.

Fonte:
Valor Online

0 comentário