Bolsas americanas recuam com novas projeções pessimistas para economia

Publicado em 19/08/2011 17:32 e atualizado em 20/08/2011 07:16 340 exibições
A sexta-feira foi de novas baixas para as bolsas americanas, com os investidores reagindo à revisão para baixo das projeções feitas pelo JP Morgan para o crescimento da economia do país.

O índice Dow Jones fechou com queda de 1,57%, para 10.818 pontos; o Nasdaq perdeu 1,62%, para 2.342 pontos; e o S&P 500 recuou 1,50%, para 1.124 pontos.

Segundo o JP Morgan, a economia americana vai crescer 1% no quarto trimestre deste ano, em vez dos 2,5% previstos anteriormente. No primeiro trimestre de 2012, a economia deve expandir-se 0,5%, e não 1,5%. O recuo da confiança do consumidor e a falta de ímpeto no mercado imobiliário são alguns dos motivos apontados para o menor vigor da economia.

Foi a terceira instituição nesta semana a reduzir a expectativa de expansão do PIB dos EUA, seguindo-se ao Morgan Stanley e ao Citigroup.

As ações da Hewlett-Packard (HP) desabaram 20% após a companhia cortar suas projeções de resultado para o terceiro trimestre, alegando fraca demanda por seus produtos. Nesta semana, a Dell (+1,7%) também reduziu suas previsões de lucro para este trimestre.

Além disso, a HP anunciou que prepara uma cisão do seu negócio de computadores pessoais e fez uma oferta de US$ 10,3 bilhões para comprar a empresa britânica de software Autonomy.

Os papéis do Bank of America recuaram 0,57% depois que o banco anunciou que pretende eliminar 3,5 mil empregos, além das 2,5 mil vagas cortadas no ano, por ora, conforme comunicado interno escrito pelo executivo-chefe do banco, Brian T. Moynihan. O jornal New York Times (NYT) reportou que pode haver mais enxugamento de pessoal, com a possibilidade de o número total de cortes alcançar a marca de 10 mil.

Ibovespa fecha em queda de 1,29%, aos 52.447 pontos

O Ibovespa terminou o pregão desta sexta-feira em queda, após um dia marcado pela volatilidade nos principais mercados globais.

Dados preliminares mostram que, com mínima de 52.335 pontos e máxima de 53.601 pontos, o Ibovespa fechou com desvalorização de 1,29%, aos 52.447 pontos. O giro financeiro atingiu R$ 5,897 bilhões.

Com o desempenho de hoje, a bolsa brasileira fecha a semana com perda de 1,92%. Ontem, o Ibovespa perdeu 3,52% e fechou aos 53.134 pontos.

Entre os ativos de maior peso sobre o índice, Vale PN caiu 2,58%, a R$ 37,31; Petrobras PN perdeu 2,95%, a R$ 19,70; e OGX ON se desvalorizou 1,10% a R$ 10,78.

Em Wall Street, o índice Dow Jones teve queda de 1,57%, aos 10.817 pontos, S&P perdeu 1,5%, aos 1.123 pontos, e Nasdaq recuou 1,62%, aos 2.341 pontos.

Fonte:
Valor Online

0 comentário