FMI revisa em queda as previsões de crescimento dos EUA

Publicado em 29/08/2011 13:34 128 exibições
O Fundo Monetário Internacional (FMI) revisou em queda as previsões de crescimento dos Estados Unidos para este e para o próximo ano, segundo meios de comunicação italianos que se baseiam em um informe preliminar da entidade.

O FMI calcula um crescimento de 1,6% para os Estados Unidos neste ano, contra a previsão divulgada em junho de 2,5%.

Também estima que crescerá 2% no próximo ano, contra os 2,7% previstos anteriormente.

A economia americana cresceu 3% em 2010 e retrocedeu notavelmente tanto no primeiro trimestre quanto no segundo.

O Produto Interno Bruto (PIB) da maior economia mundial progrediu apenas 0,4% no primeiro trimestre e 1,0% no segundo, de acordo com números do governo.

Segundo o documento ao qual a imprensa italiana teve acesso, o Fundo considera que a "maior prioridade" para a economia dos Estados Unidos é "lançar rapidamente um plano de redução do déficit em médio prazo" e denuncia os riscos de um "impasse político" sobre este assunto.

O Fundo tem o hábito de atenuar o otimismo das projeções econômicas do governo americano.

As previsões do FMI serão publicadas oficialmente no dia 20 de setembro.

A entidade, dirigida pela francesa Christine Lagarde, assegura que a atividade econômica "se enfraqueceu" nos países desenvolvidos, enquanto reconhece que a dos países emergentes resistiu.

A economia "se desequilibrou" e "os riscos de uma queda aumentaram", admite o FMI.

Fonte:
Agência AFP

0 comentário