No Valor: Ibovespa fecha pregão com queda de 2,93%, aos 50.791 pontos

Publicado em 03/10/2011 17:45 168 exibições
Em queda do início ao fim dos negócios, o mercado acionário brasileiro abriu o mês de outubro com o “pé esquerdo”. As tensões com a cena internacional pesaram sobre os ativos de risco e levaram as bolsas americanas a registrarem novas mínimas no ano.

No Brasil, dados preliminares mostram que, após fazer máxima aos  52.319 pontos, o Ibovespa fechou na mínima do dia, aos 50.791 pontos, com desvalorização de 2,93%. O giro financeiro atingiu cerca de R$ 6,35 bilhões.

Na sexta-feira, o índice já havia recuado 1,99%, para 52.324 pontos.

Entre os ativos de maior peso, Petrobras PN caiu hoje 3,61%, a R$ 18,41; Vale PNA perdeu 2,49%, a R$ 38,25; OGX Petróleo ON cedeu 4,78%, a R$ 10,95; Itaú Unibanco PN teve desvalorização de 1,24%, a R$ 28,67; e BM&FBovespa ON se depreciou em 2,16%, a R$ 8,60.

No mercado americano, as bolsas voltaram para níveis não vistos desde setembro de 2010. O índice Dow Jones caiu 2,36%, aos 10.655,30 pontos, enquanto o Nasdaq recuou 3,29%, aos 2.335,83 pontos, e o S&P 500 perdeu 2,85%, aos 1.099,23 pontos.

Fonte:
Valor Online

0 comentário