MS: Indígenas permanecem nas fazendas invadidas e risco de conflito é iminente

Publicado em 17/05/2013 12:18 e atualizado em 20/05/2013 16:52 1997 exibições

Confira o áudio completo da entrevista realizada com o Produtor Rural, Ricardo Bacha na rádio Pindorama de Sidrolândia/MS, Clique Aqui.

Acompanhe aqui imagens que marcam a invasão de quatro fazendas na região de Sidrolândia, no Mato Grosso do Sul, onde os índios Terena reivindicam uma área de 17 mil hectares declarado como de ocupação tradicional dos indígenas por uma portaria do Ministério da Justiça em 2010. 

Clique aqui e confira mais informações.

Veja abaixo imagem de produtores reunidos para decidir ações de protesto no site Midiamax

Produtores estão reunidos para decidir ações de protesto, em Sidrolândia. - https://www.midiamax.com.br/

Produtores em Protesto

Mais imagens pelo site Região News

Protesto em Sidrolândia - MS

Protesto em Sidrolândia - MS

Vereador Cledinaldo faz intermédio e entrega caminhonete de Ricardo Bacha que estava presa na fazenda. Imagens do site Noticidade

Vereador Cledinaldo faz intermédio e entrega caminhonete de Ricardo Bacha que estava presa na fazenda

Vereador Cledinaldo faz intermédio e entrega caminhonete de Ricardo Bacha que estava presa na fazenda

Indígenas Terena resistem à reintegração - www.cimi.org.br

Indígenas Terena resistem à reintegração - https://www.cimi.org.br/

Veja abaixo imagens das propriedades invadidas publicadas no site do G1 MS:

Ocupação dos indígenas em fazendas de Sidrolândia, MS

Ocupação dos indígenas em fazendas de Sidrolândia, MS

Ocupação dos indígenas em fazendas de Sidrolândia, MS

Ocupação dos indígenas em fazendas de Sidrolândia, MS

Ocupação dos indígenas em fazendas de Sidrolândia, MS

Ocupação dos indígenas em fazendas de Sidrolândia, MS

Ocupação dos indígenas em fazendas de Sidrolândia, MS

Ocupação dos indígenas em fazendas de Sidrolândia, MS

Confira fotos divulgadas no site do Noticidade:

Fazenda Cambará ficou tenso com a chegada do produtor rural Vanth Vani Filho

Fazenda Cambará ficou tenso com a chegada do produtor rural Vanth Vani Filho

Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

8 comentários

  • Bernardo Dutra Câmara Barbacena - MG

    Isso é pura safadeza desse PT, que somente apoia a vagabundagem nesse país, e nós que produzimos, compramos e pagamos pelas nossas propriedades temos que enfrentar esse tipo de situação. De indio essa turma não têm nada, são um bando de oportunistas, hora se vestem de vermelho no MST, hora pintam a cara de vermelho como indios, guiados pela bandeira do PT. veja se houve até hoje alguma ocupação nas fazendas do Lulinha, nunca! inclusive ele têm terras que pertenceram a invasores do MST. Esse país é uma vergonha, guiado por vagabundos. LULA e CIA, são a maior facção criminosa do mundo. Têm que colocar esse povo para trabalhar e pronto!

    0
  • armelindo corte dos reis Enagenheir Bel trão - PR

    Estas pessoas que se disem ser indio na verdade não são indios! São meros decendentes de indios! Silvçulas ou ilviculas São indios que vivem em abitati natural, péssoas que usam vestes e dirigi carros e usam arma de fogo não podem ser considerado Silviculas. São meros bandidos comamdado por alguns foras da lei! Tem que descobrir quem são e botar fim!

    0
  • Adoniran Antunes de Oliveira Campo Mourão - PR

    Eles estao provocando ao máximo, para que haja uma vítima.Se houver derramamento de sangue, dona Presidanta dilma, voce será a única responsavel.Paciencia tem limites.

    0
  • Adoniran Antunes de Oliveira Campo Mourão - PR

    O m inistro da (in)justiça é um safado,como o é também dilma,lulla e os canalhas ptralhas.Estao utilizando a politica do quanto pior melhor.Está na cara que tudo isto está inserido num plano para uma copia da ditadura do chavez e de cuba, que querem implementar aqui.A policia federal, ao invés de cumprir com o mandato de reintegraçao de posse, olha o absurdo, tirou da fazenda os proprietários.Até quando os agricultores terao que submeter-se a esses absurdos? Pau no lombo dos safados do cimi, da funai, das ongs para começar.Se um mandato judicial nao vale mais nada,só nos resta reagir da forma com que eles(indios)também fazem.Invadir o congresso nacional, o stj e mandar a puta que o pariu toda esta caterva que nao serve mais para nada.E reagir a altura, com armas se necessário.Nao existe mais lei,entao façamos a lei.

    0
  • IRINEU DAL MASO Cascavel - PR

    Mas e um pais sem comando mesmo, ums bugres desordeiros e improdutivos e bebados so tumultuando, PF,JUSTIÇA,CAM.DOS DEPUTADOS, todos calados, sao uns inuteis, volta a comentar, fosse os tempos militares.... o que falta e cavalaria e porrete, pelo amor de DEUS.

    0
  • Telmo Heinen Formosa - GO

    Muita calma nesta hora, apesar da raiva que a gente sente, é isto que eles estão procurando. Uma vítima. Se alguém quiser se sujar matando alguém, deve escolher um indigenista para se vingar. Verdade nua e crua.

    0
  • EDMILSON JOSE ZABOTT PALOTINA - PR

    ATÉ QUANDO O GOVERNO FEDERAL VAI ESPERAR PARA TOMAR UMA ATITUDE SÉRIA COM RELAÇÃO A ESTAS INVASÕES E PRINCIPALMENTE COLOCAR ORDEM E RESPEITO NESTE PAÍS. ÍNDIOS , JOVENS ASSASINOS SEM PUNIÇÃO . SR. MINISTRO DA JUSTIÇA FAVOR OUVIR O CLAMOR DA POPULAÇÃO. O SETOR PRODUTIVO PRECISA TRABALHAR.

    0
  • Ricardo Garcia Silveira Campo Alegre de Goiás - GO

    Esse Indíos já esta passando do limite...se os Políticos não tomar providencia pode ficar muito pior para o Brasil...porque eles não produzem nada.

    0