Homens da Força Nacional vão montar acampamento na Fazenda Buriti

Publicado em 06/06/2013 15:33 630 exibições

A tropa de 110 homens da Força Nacional que deve chegar hoje a Sidrolândia para evitar novos conflitos na região da reserva indígena montará acampamento na Fazenda Buriti, onde há uma semana morreu o terena Oziel Gabriel no confronto com a Policia durante a tentativa de reintegração de posse. Hoje pela manhã está programada uma reunião no comando da Polícia Militar, quando será definido a estratégia de atuação da tropa que já tem 90 homens na Capital, restando ainda 20 policiais para desembargarem no Estado.

Ontem pela manhã, quando vencia prazo dado pela Justiça Federal em nova liminar favorável ao fazendeiro Ricardo Bacha, os índios saíram da propriedade e se concentraram num ponto de entroncamento com outras áreas reivindicadas pela etnia.

Veja a notícia na íntegra no site Região News.

Fazenda Buriti

Imagens da sede da fazenda Buriti após ser queimada

Para o deputado Lídio, demarcação de terras indígenas pode inviabilizar municípios

Presente na ante-sala do receptivo do Aeroporto da Base Aérea de Campo Grande, onde o ministro da Justiça, José Eduardo Cardoso, recebeu na manhã desta quarta-feira (05) lideranças indígenas terenas de Sidrolândia, o deputado Lídio Lopes (PP), não hesitou em manifestar publicamente sua opinião contrária a demarcação de terras indígenas em Mato Grosso do Sul, que para alguns municípios, pode significar o esvaziamento econômico, com a transformação de fazendas produtivas em aldeias.

“Se de fato o Governo Federal entregar 1,7 milhão hectares para os índios, como quer a FUNAI, o desenvolvimento de boa parte dos municípios sul-mato-grossenses estarão inviabilizados, sem espaço para geração de emprego e renda, já que dependem basicamente da produção agropecuária”, avalia.

Leia a notícia na íntegra no site do Região News.

Fonte:
Região News

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

2 comentários

  • HAROLDO FAGANELLO Dourados - MS

    Dalzir o pior que ele tem fazenda no MS, é produtor e não tá livre de ser invadida logo logo...Ele é do PMDB e tem medo de falar muito alto...

    0
  • HAROLDO FAGANELLO Dourados - MS

    O que dá a entender é que a FORÇA NACIONAL veio para proteger os índios e não evitar conflitos, afinal numa reunião secreta hoje de manhã não ví nenhum representante dos produtores, só a funai. Aí tem coisa de novo, é só esperar para ver. Abre o olho governador...

    0