Produtores de Dourados (MS) estimam 45% de quebra na safra

Publicado em 01/03/2012 16:28 701 exibições
Em Dourados, no sul de Mato Grosso do Sul, os produtores de soja estimam uma quebra de 45% da safra. Com 55% já colhida, a soja está rendendo de 30 a 35 sacas por hectare. Para o Sindicato Rural de Dourados até o final da colheita os números podem mudar. “A diferença entre uma propriedade e outra, na mesma região, é muito grande. As chuvas foram pontuais”, aponta o presidente do sindicato, Marisvaldo Zeuli.

Na safra passada, Dourados contabilizou o total de 448,8 mil toneladas de grãos, o que rendeu uma produtividade de 3.330 kgs por hectare, com a média de 55 sacas. De acordo com dados divulgados na última reunião do Grupo de Coordenação de Estatísticas Agropecuárias (GCEA) do IBGE, do qual a Federação de Agricultura e Pecuária de MS (Famasul) faz parte, para essa safra, Dourador poderá colher até 361,2 mil toneladas, com 2.580 kgs por hectare.

“A estiagem no final do ano e as altas temperaturas entre janeiro e fevereiro castigaram nossa produção. Tivemos 42 dias sem chover. E quando a soja estava em fase de granação (formação de grãos) entre final de janeiro e início de fevereiro, as altas temperaturas e a forte insolação mataram muitas plantas”, explica o primeiro secretário do sindicato, Cesar Dierings.
Tags:
Fonte:
Sato Comunicação

0 comentário