Queda no preço da soja leva produtores do PR a diversificar

Publicado em 20/10/2014 10:38 285 exibições

Depois da seca que derrubou a produção norte-americana, duas safras atrás, a soja passou de US$ 14 para US$ 9 por bushel na Bolsa de Chicago. No Brasil, os produtores recebiam mais de R$ 70 por saca, mas podem ter de se contentar com menos de R$ 50 na colheita de 2015. As lavouras estão sendo plantadas e esse mercado gera mais preocupação que o próprio clima quente e seco deste mês.

O Paraná não tem como fugir da influência da queda no preço da soja, afirma o presidente da Coamo, José Aroldo Gallassini. Segundo ele, o complemento na renda do produtor pode vir do inverno. Para estimular a pecuária bovina, que apresenta recordes de R$ 125 por arroba de boi em plena crise das commodities, a Coamo vai financiar piquetes e a compra de animais de engorda. Os produtores deverão manter os animais confinados no verão, enquanto produzem grãos, e transformar parte das lavouras em pastagem no inverno.

Leia a notícia na íntegra no site Gazeta do Povo 

Tags:
Fonte:
Gazeta do Povo

0 comentário