Atraso: Matopiba passa por novo susto no plantio

Publicado em 17/12/2014 11:38 522 exibições

Depois de perder parte do potencial da última safra de soja e milho para a falta de chuvas e o calor excessivo, o Centro-Norte – regiâo onde fica a fronteira agrícola formada pelos estados do Maranhão, Tocantins, Piauí, Bahia (Matopiba) – esboça uma retomada. O clima desfavorável preocupou na largada do plantio, mas houve recuperação das lavouras e as previsões são otimistas, favorecendo projeções de picos de rendimento acima de 3 mil quilos por hectare na soja e até 10 mil quilos por hectare no milho, de acordo com levantamento realizado pela equipe da Expedição Safra.

As plantadeiras deveriam ter ido a campo na primeira quinzena de outubro, mas faltou umidade no solo. “Houve escassez de chuvas no início do plantio, sobretudo no Sul do Maranhão e parte do Sul do Piauí. Mas agora as condições se normalizaram e voltou a chover bem”, detalha o agrometeorologista da Somar, Marco Antonio dos Santos. O Matopiba é responsável por cerca de 10% da produção nacional de soja e 15% da colheita de milho de verão.

Leia a notícia na íntegra no site da Gazeta do Povo.

Tags:
Fonte:
Gazeta do Povo

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário