Soja: Produtores do MT já adquiriram 55,76% dos insumos para safra 2016/17

Publicado em 24/05/2016 08:05
311 exibições

O dólar está sempre na mira do produtor, tanto para calcular suas vendas, quanto para a compra dos insumos.

No último mês, produtores de MT aproveitaram o recuo do dólar para avançar na compra dos insumos da próxima safra, com 55,76% dos insumos da safra 16/17 já nas suas mãos. Mesmo com a queda do dólar em abril, a safra 16/17 segue registrando um peso maior no bolso do agricultor, que terá que despender cerca de R$ 1.899,10/ha com despesas de insumos e R$ 3.230,56/ha para cobrir os custos totais.

Apesar dos custos mais elevados, os patamares observados no preço de paridade de exportação da soja para mar/17, próximo a R$ 66,00/sc, se torna uma boa oportunidade de venda. Ainda assim, o ponto de equilíbrio da próxima safra deve registrar patamares recordes, o que aumenta o risco da safra, e por isso o controle de custos e cálculos em cima do dólar serão ferramentas de grande auxílio ao produtor. 

Leia o boletim na íntegra no site do Imea.

Tags:
Fonte: Imea

1 comentário

  • Telmo Heinen Formosa - GO

    Eu fico admirado com esta "precisão". (55,76%)!!! Me parece que divulgam qualquer número sobre o consumo de insumos e sobre a produção agrícola, pois, afinal, a maioria dos agricultores não sabem nem o que ocorre dentro da sua própria área... então quais instrumentos tem qualquer entidade para aferir dados a respeito? Me desculpem, estão me chamando de otário. Por que o IMEA não confessa o uso e fica no "Chutômetro" para ESTIMAR que "cerca de 55 % dos insumos da próxima safra" foram adquiridos?

    1
    • DALZIR VITORIAUBERLÂNDIA - MG

      Igual aqueles pesquizadores da embrapa soja que afirmam em % e solicitei que mostrassem o trabalho..ou aquele funcionario do MAPA do MT que afirmou que os produtos do controle da ferrugem uns não atingiam 20% da eficiencia...cade os NUMEROS que provam...falem menos BOBAGENS...o poder e diploma nem sempre encurtam a ORELHA...

      1
    • RODRIGO POLO PIRESBALNEÁRIO CAMBORIÚ - SC

      Não é igual Dalzir, no primeiro caso são estimativas, e todos os sites de instituições públicas disponibilizam as metodologias, no segundo são mentiras puras e simples.

      0
    • RODRIGO POLO PIRESBALNEÁRIO CAMBORIÚ - SC

      Aliás tem um jeito de acertar estimativas ou projeções, pode-se afirmar por exemplo, em qualquer situação que o mercado vai subir e manter a posição, enquanto baixa fica-se quieto, por um, dois ou três anos ou mais... quando finalmente sobe é só falar.... viu, eu disse que ia subir. É mole? É mole mais sobe, diz o macaco Simão.

      0
    • RODRIGO POLO PIRESBALNEÁRIO CAMBORIÚ - SC

      Aliás olhe o gráfico que vou te mandar com o preço futuro setembro do milho, desabando quase 7% em menos de uma semana. Cada barra do gráfico é 1 dia.

      0
    • RODRIGO POLO PIRESBALNEÁRIO CAMBORIÚ - SC

      http://br.advfn.com/bolsa-de-valores/bmf/CCMU16/grafico/tempo-real

      0
    • RODRIGO POLO PIRESBALNEÁRIO CAMBORIÚ - SC

      Demora um pouco até abrir o gráfico.

      0
    • RODRIGO POLO PIRESBALNEÁRIO CAMBORIÚ - SC

      UM dia não, 1 hora. Cada barra 1 hora, cada dia tem oito horas.

      2
    • DALZIR VITORIAUBERLÂNDIA - MG

      Caro Rodrigo...o que voce coloca é mais velho que andar pra frente..o que coloquei foram inverdades que escreveram para chamar a atenção e que até agora não publicaram um trabalho técnico científico provando o que falaram,,,passaram-se quase 6 meses e nada informaram...portanto não podemos confundir coco da bahia com cocô da baia..

      3