Soja: Na CBOT, mercado amplia perdas no pregão desta 5ª feira e puxa preços nos portos do Brasil

Publicado em 25/08/2016 13:09
1560 exibições

Durante o pregão desta quinta-feira (25), as cotações futuras da soja negociadas na Bolsa de Chicago (CBOT) ampliaram as quedas. Perto das 12h29 (horário de Brasília), as principais posições da commodity testavam desvalorizações de mais de 20 pontos. O vencimento setembro/16 era cotado a US$ 10,07 por bushel e as demais posições da oleaginosa trabalhavam abaixo do nível de US$ 10,00 por bushel.

Segundo informações do site internacional Farm Futures, o novembro/16 testava o menor patamar dos últimos 8 dias em Chicago. Os analistas ponderam que, a estimativa de grande safra nos Estados Unidos continua a pressionar negativamente os preços da soja no mercado internacional. Nesta safra, a projeção é que sejam colhidas mais de 110,5 milhões de toneladas de soja, conforme última estimativa reportada pelo USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos).

Conforme dados do Crop Tour Pro Farmer, a contagem de vagens está em 1.380,97 vagens por amostragem na região Sudoeste de Iowa. O número representa um aumento de 6,5% em relação ao ano passado, conforme dados divulgados no site Pro Farmer. Em Illinois, importante estado produtor de soja, o número está próximo de 1.318,09 vagens por amostragem, um ganho de 10,7% em relação ao ano de 2015.

E, nem mesmo as informações vindas do lado da demanda estão conseguindo dar suporte aos preços da oleaginosa. Ainda hoje, o USDA reportou novo boletim de vendas para exportação e, na semana encerrada no dia 18 de agosto, as vendas da soja somaram 2.054,7 milhões de toneladas do grão.

Da safra velha, o número ficou em 115,1 mil toneladas. Já da nova temporada, o número ficou em 1.939,6 milhão de toneladas. No caso da safra 2016/17, o destaque das vendas foi para a China, com mais de 1 milhão de toneladas adquiridas.

Mercado brasileiro

A forte queda registrada em Chicago já influenciou os preços praticados no Porto de Rio Grande. Nesta quinta-feira, a saca de soja disponível era cotada a R$ 80,50, com queda de 1,23%. Já o valor futuro, caiu 1% e a saca era negociada a R$ 79,50.

Tags:
Por: Fernanda Custódio
Fonte: Notícias Agrícolas

Nenhum comentário