USDA: Estoques de soja nos EUA acima do esperado pelo mercado

Publicado em 10/09/2010 10:02 e atualizado em 10/09/2010 16:15
1605 exibições
O USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) divulgou seu relatório mensal de oferta e demanda nesta sexta-feira apontando que a área estimada para a safra 2010/11 de soja ficou em 31,93 milhões de hectares e a produção em 94,79 milhões de toneladas. A produtividade será de, aproximadamente, 50,10 sacas por hectare. Os números vieram acima das expectativas do mercado, que esperava uma produção de 92,698 milhões de toneladas e um rendimento de 49,09 sacas/ hectare.

Já para o milho, o boletim aponta área de 35,57 milhões de hectares e produção de 334,28 milhões de toneladas. A produtividade ficou em 169,98 sacas por hectare. Diferente da oleaginosa, para o cereal o mercado esperava índices mais altos. Para a produção, a aposta dos traders era de 335,28 milhões de toneladas com 170,60 sacas por hectare.

Estoques finais - Para a soja houve uma redução de 9,798 milhões de toneladas para 9,53 milhões de toneladas. O mercado, no entanto, falava em estoques finais de 8,274 milhões de toneladas. Para o milho, recuo de 33,326 para 28,35 milhões de toneladas. O total veio abaixo do esperado pelo mercado - 28,756 milhões de toneladas.

Safra 2009/10 - Para a safra 2009/10 de soja também houve redução nos estoques - de 4,355 para 4,082 milhões de toneladas. A expectativa do mercado, no entanto, era de 4,11 milhões de toneladas, índice maior do que o divulgado pelo USDA.

O milho, safra velha, também teve os estoques ajustados e ficaram em 35,21 milhões de toneladas. O mercado apostava em 35,866 milhões de toneladas. Em agosto, a estimativa do USDA é de que os estoques do cereal alcançassem as 36,222 milhões de toneladas nos Estados Unidos.

Veja o relatório da XP Agro com os números na íntegra

China - As importações de soja da China para a safra 09/10, segundo o relatório, devem alcançar as 50 milhões de toneladas. Em agosto, a estimativa era de 49,50 milhões de toneladas. Já para a safra nova, o USDA estima que os chineses comprem 55 milhões de toneladas da oleaginosa, no mês passado esse número estava em 52 milhões de toneladas. 

Brasil e Mundo Safra 10/11 - Para o Brasil e para a Argentina, as produções foram mantidas em, respectivamente, 69 milhões e 54,50 milhões de toneladas. Na China, a estimativa para a safra 2010/11 também não teve alteração - 14,70 milhões de toneladas.

A produção mundial deverá ser de 259,89  milhões de toneladas de acordo com os números do USDA.

Já os estoques finais mundiais, segundo o relatório, apresentam um recuo de 1,05% e totalizam 62,85 milhões de toneladas em setembro. No mês anterior, esse número era de 63,52 milhões de toneladas.
Tags:
Fonte: Redação NA

Nenhum comentário