Soja: Produção Brasileira deve cair e ficar em 67,685 milhões de T, mas exportações devem subir 5% e chegar a 30,2 milhões de T

Publicado em 25/10/2010 14:23 e atualizado em 25/10/2010 15:05
501 exibições

A produção brasileira de soja na temporada 2010/11 deverá totalizar 67,685 milhões de toneladas, recuando 1% na comparação com a safra anterior, que ficou em 68,073 milhões de toneladas. A previsão faz parte de levantamento divulgado hoje por SAFRAS & Mercado. No levantamento anterior, de intenção de plantio, divulgado no dia 23 de julho, a previsão era de safra de 67,175 milhões de toneladas.

 A estimativa de área plantada passou de 23,335 milhões de hectares para 24,024 milhões, com aumento de 3%. SAFRAS trabalha com rendimento médio de 2.817 quilos por hectare, contra os 2.918 quilos obtidos no ano passado. 

Principal estado produtor, o Mato Grosso deverá colher 18,750 milhões de toneladas, com recuo de 4% na comparação com as 18,800 milhões de toneladas colhidas no ano passado. O Paraná deverá ter uma safra 3% menor do que a do ano passado, totalizando 13,718 milhões de toneladas - 14,2 milhões no ano passado. No Rio Grande do Sul, a previsão é de uma safra de 9,545 milhões de toneladas, com decréscimo de 6%. 

EXPORTAÇÕES 
O Brasil deverá exportar 30,2 milhões de toneladas de soja em 2011, com aumento de 5% sobre 2010, que tem embarques projetados em 28,8 milhões de toneladas. A previsão faz parte do quadro de oferta e demanda de SAFRAS & Mercado, divulgado nesta sexta-feira, 22. O esmagamento está estimado em 35,2 milhões de toneladas, com aumento de 5% sobre o ano anterior - 33,6 milhões de toneladas. A demanda total ficaria em 68,25 milhões de toneladas, com aumento de 5%.  


A oferta total deverá aumentar 4%, totalizando 71,198 milhões de toneladas. SAFRAS trabalha com estoques iniciais de 3,413 milhões de toneladas, 713% superior ao de 2010. A produção deverá cair 1% para 67,685 milhões, enquanto as importações deverão ficar restritas a 10 mil toneladas.

Diante desta composição, Safras aponta uma queda de 14% nos estoques finais, que passariam de 3,413 milhões para 2,948 milhões de toneladas. 

PLANTIO 
O plantio da soja na temporada 2010/11 atinge 15% da área esperada. O ritmo dos trabalhos está atrasado na comparação com igual período do ano passado, quando 20% da área estava semeada, mas está acima da média para o período, de 14%. Os dados fazem parte do levantamento de SAFRAS & Mercado, referentes ao período até 22 de outubro. Na semana anterior, o percentual era de 6 pontos percentuais.

A semeadura está mais adiantada no Paraná, com 36%, contra 17% do ano passado e 18% da média. No Mato Grosso do Sul, o plantio atingiu 23%, abaixo dos 24% do ano passado, mas acima da média de 14%. No Mato Grosso, principal estado produtor, o atraso é mais consistente.
Apenas 13% da área foi plantada, contra 42% de 2009 e 28% da média.

Tags:
Fonte: Safras e Mercados

Nenhum comentário