Soja: Mercado inverte com compras de esmagadoras em GO

Publicado em 15/03/2011 10:38 840 exibições
O preço da soja continua pressionado pela colheita que vem sendo realizada nas principais regiões produtoras do Estado. De acordo com observações, mais de 50% das lavouras já foram colhidas. Além disso, as quedas nos patamares internacionais refletiram no mercado interno.

Diante deste quadro, o volume que vem sendo colhido neste momento é destinado a trades que já haviam negociado este volume antecipadamente. Desta forma, as negociações no spot continuam bastante lentas, já que até o momento, além de haver um bom volume disponível, não se encontra bons valores para venda.

Na bolsa de mercadorias de Chicago (CBOT, sigla em inglês), principal referência para a formação de preço no país, os principais vencimentos fecharam o dia no azul. Após iniciar o dia com quedas pronunciadas, o mercado inverteu a tendência devido um grande volume de compra. Os principais compradores foram as esmagadoras americanas, que consideraram o mercado sobrevendido. Este é o sentimento em Chicago, já que os fatores fundamentalistas de estoques apertados e demanda aquecida continuam latentes no mercado. Por fim, acredita-se que o Japão poderá aumentar sua demanda por commodities na sua recuperação.

Mercado da Soja

Data: 14/03/2010

Clique aqui para ampliar!
Tags:
Fonte:
FAEG- GO

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário