Soja: Vazio Sanitário segue no Paraná

Publicado em 17/06/2011 10:54 440 exibições
Iniciado em 15 de junho, o período entre safras segue até o dia 15 de setembro. Durante este tempo, o produtor deve deixar o campo com total ausência de plantas vivas de soja.

Este tempo sem plantio serve para que o fungo da ferrugem não sobreviva até a próxima safra de soja. “O tempo mínimo é de 90 dias. Nesse período, qualquer vagem morre, acabando com as chances do fungo se desenvolver”, explica o engenheiro agrônomo da Defesa Sanitária Vegetal da Secretaria de Estado da Agricultura e Abastecimento (SEAB), Alex Schiavini.

Produtores rurais que não eliminarem toda a soja plantada e voluntária receberão advertência e até multa.

A Ferrugem Asiática é causada pelo fungo Phakopsora Pachyrhizi. Temperaturas altas e muita umidade são as condições climáticas para seu desenvolvimento – exatamente iguais as da soja. Ela ocasiona a desfolha precoce, que impede a completa formação dos grãos.

Tags:
Fonte:
Sindicato Rural de Guarapuava

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário