Soja: Comercialização perde ritmo no Brasil, diz Safras & Mercado

Publicado em 01/11/2011 09:44 640 exibições
Os produtores brasileiros de soja negociaram 87% da safra 2010/11, segundo levantamento divulgado por SAFRAS & Mercado, com base em dados recolhidos até 28 de outubro. Em igual período do ano passado, a comercialização envolvia 91% e a média para o período também é de 91%. No relatório anterior, de 14 de outubro, o total negociado era de 86%.

Levando-se em conta uma safra estimada em 74,380 milhões de toneladas, o volume de soja já comprometido chega a 64,410 milhões de toneladas.

Em relação à venda antecipada, o número é de 31% da safra 2011/12.  Em igual período do ano passado, a comercialização envolvia 29% e a média para o período é de 22%. No levantamento anterior, divulgado em 14 de outubro, o número era de 30%.

"Para entender a motivação a esse forte fluxo dos negócios antecipados devemos considerar a firme postura compradora, que vem sustentando novamente valores positivos para os prêmios de exportação. E no lado vendedor, os elevados preços internacionais dominantes, pelo menos até meados de setembro", informou o analista sênior de SAFRAS & Mercado, Flávio França Júnior.

"Tomando como base a manutenção de firme interesse de compra, entendemos que esse menor fluxo das vendas da safra atual está ligado à postura mais defensiva de venda pelos produtores, considerando melhor nível de capitalização, aumento do volume físico disponível e recuo dos preços a partir de outubro, completou.

Tags:
Fonte:
Agência Safras & Mercado

0 comentário