Um dos maiores grupos de açúcar e álcool do Brasil vê aumento de até 8% na moagem de cana em 09/10

Publicado em 16/12/2008 12:44 1416 exibições

A Cosan,  informou na segunda-feira que estima moer 7% a 8% mais cana-de-açúcar em 2009/10 na comparação com a safra atual.

As 18 usinas da Cosan devem moer de 43,9 milhões de t a 44,4 milhões de t de cana no atual ano-safra, 9% a 10% a mais do que em relação a 2007/08.

"A gente deve terminar a safra no fim de semana com recorde de moagem", disse Petro Mizutani, vice-presidente-geral da Cosan, explicando que uma das usinas do grupo já parou e que outra deve finalizar o processamento por volta de 25 de dezembro.

A Cosan vai divulgar dados finais para a moagem desta temporada ao mercado nos próximos dias, disse ele.


Fonte: Invertia

"O volume de cana em pé deve ser de cerca de 7% (da safra)", completou Mizutani em uma teleconferência sobre os resultados trimestrais.

A empresa apresentou prejuízo de US$ 114,1 milhões entre agosto e outubro devido ao elevado custo do repagamento de sua dívida denominada em dólar após a forte queda do real.

A Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) afirmou em um relatório na segunda-feira que atrasos causados principalmente pelo tempo úmido durante a temporada farão com que as usinas deixem uma quantidade recorde de cana para ser processada em 2009.

Traders e analistas calculam a quantidade de cana que ficará em pé para 2009 em até 40 milhões de t.

As perspectivas de vendas para 2009 também são positivas, já que o mercado global de açúcar entra em déficit e os carros flex brasileiros devem consumir um volume recorde de álcool, disse o diretor de finanças e relações com investidores da Cosan, Paulo Diniz.

"Naturalmente que o preço ainda é um grande ponto de interrogação, mas quanto a volume a gente vê (os setores de açúcar e álcool) de forma mais otimista (do que em 2008)", disse Diniz.

Ele afirmou que ainda não foi decidido se a Cosan vai continuar com seus planos de investir em dois outros projetos de greenfield em Goiás.

Fonte:
Invertia

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário