Ridesa lança Catálogo Nacional de variedades RB de cana-de-açúcar

Publicado em 25/03/2010 08:43 859 exibições
A Rede Interuniversitária para o Desenvolvimento do Setor Sucroalcooleiro (Ridesa) libera 13 novas variedades RB e lança o Catálogo Nacional de Variedades RB de Cana-de-açúcar hoje.

Com a liberação das novas variedades, pequenos e médios produtores brasileiros vão contar com material genético de ponta, testados em diferentes ambientes de produção de regiões canavieiras. No Catálogo Nacional, será possível conhecer cada uma dessas variedades, que são mais produtivas, geram maior lucro para as empresas e representam quantidade superior de açúcar por área.

As variedades RB (República do Brasil) representam 60% da área cultivada no Brasil. Cada tipo desenvolvido é fruto de pesquisa em várias áreas, que permite, entre outras ações, a identificação de genes que controlam a tolerância a estresses hídricos, temperaturas elevadas, pragas e enfermidades.

Formada por dez universidades federais (UFRPE, UFG, UFPR, UFSCar, UFV, UFRRJ, UFS, UFAL, UFPI e UFMT), algumas das quais estavam localizadas nas áreas de atuação das Coordenadorias do ex-PLANALSUCAR, a Ridesa foi criada com a finalidade de incorporar as atividades desse extinto programa e dar continuidade ao desenvolvimento de pesquisas visando à melhoria da produtividade do setor.

Este ano, a Rede completa 19 anos de atuação e tem como base para o desenvolvimento da pesquisa 31 estações experimentais estrategicamente localizadas nos Estados onde a cultura da cana-de-açúcar apresenta maior expressão.

Além das estações experimentais, a Ridesa também desenvolve pesquisa nos campus das universidades federais, envolvendo principalmente pesquisas conduzidas nos diferentes cursos de pós-graduação, em nível de mestrado e doutorado.

Principal produtor de açúcar e etanol a partir da cana-de-açúcar, o Brasil investe nas instituições públicas e nas empresas para manter essa liderança, em especial no uso do etanol como combustível renovável.
Fonte:
Univ. Fed. Rural de Pernambuco

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário