Açúcar: futuros devem buscar consolidação

Publicado em 03/05/2010 14:38 376 exibições

Os futuros de açúcar iniciam o mês de maio na ICE Futures buscando a consolidação que não ocorreu no mês anterior. Julho agora é o primeiro vencimento e a expectativa ainda é de que este vencimento seja negociado entre 15 e 16 cents por libra, diante do sentimento de que uma maior comercialização de açúcar apenas ocorrerá mais perto do final da safra mundial 2009/10, em setembro.<?xml:namespace prefix = o ns = "urn:schemas-microsoft-com:office:office" />

Na sexta (30), o vencimento maio saiu da tela a 15,05 cents e o sentimento é de que a entrega fique em um volume entre 200 e 300 mil toneladas, menos da metade das 597 mil toneladas entregues no vencimento março/10. O spread entre maio e julho de um prêmio de apenas 10 pontos para julho deve ter consolidado uma entrega pequena.

Fundamentalmente, o sentimento é de que diante do potencial de uma recuperação expressiva da produção a partir de 2010/11, os países importadores irão apenas reconstruir seus estoques a partir do próximo ano quando os preços estarão menores. Até lá, estes compradores irão adquirir produto da mão para boca, o que vai contribuir para a manutenção dos preços em torno de 15 a 16 cents, que é o valor que possibilita investimentos em novos greenfields no Brasil.

Se de um lado, a demanda deve seguir gradual e da mão para a boca, a oferta também deve ser restrita se os preços se aproximarem dos custos de produção. No Brasil, estima-se que a atual safra 2010/11 seja mais alcooleira que o estimado inicialmente.

Fonte:
Valor Econômico

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário