Etanol: Consumo de hidratado volta a cair em julho

Publicado em 05/08/2011 07:40 247 exibições
O consumo de etanol hidratado, que abastece diretamente os veículos, continua em queda no país, pressionado pelos preços mais altos nos postos de combustíveis. Em julho, foram vendidos 950 milhões de litros no país, queda de 33% na comparação com julho de 2010, segundo dados preliminares do Sindicom (Sindicato Nacional das Empresas de Biocombustíveis e Lubrificantes), cujas associadas representam 60% do mercado brasileiro de etanol hidratado. Em relação ao mês de junho deste ano, a retração no consumo foi de 12%.

A demanda parece estar em equilíbrio com a oferta de etanol, que está melhor neste ano, avalia o presidente do Sindicom, Alísio Mendes Vaz. No acumulado do ano até julho, a estimativa da entidade é de uma queda de 22% com a venda ao consumidor final de 5,36 bilhões de litros, ante os 8,174 bilhões de litros registrados em igual intervalo de 2010.

Pela primeira vez em dez anos, a safra de cana-de-açúcar do Centro-Sul não vai crescer. Segundo estimativa da União da Indústria de Cana-de-Açúcar (Unica), a moagem vai recuar 6,16%, para 533 milhões de toneladas, na comparação com o ciclo anterior. Com isso, a produção de etanol será 2,84 bilhões de litros menor.

Mas há agentes do mercado apostando em números menores. A consultoria Archer Consulting divulgou ontem relatório em que prevê moagem de 515 milhões de toneladas, o que, se confirmada, representará uma quebra de safra de 7,3%.
Fonte:
Valor Econômico

0 comentário