Bloqueio atmosférico que impede avanço de frente fria pelo Sul do país deve se estender até meados da próxima semana

Publicado em 14/06/2019 12:36 e atualizado em 14/06/2019 14:36
2231 exibições
Fenômeno atípico para essa época do ano promove veranicos nos estados do Sul
Morgana Almeida - Chefe do Centro de Análise e Previsão do Tempo do Inmet

Podcast

Entrevista com Morgana Almeida - Chefe do Centro de Análise e Previsão do Tempo do Inmet sobre a Previsão do Tempo

Download

LOGO nalogo

Um bloqueio atmosférico está atingindo a região sul do país, na qual esse fenômeno atípico para a estação do ano está impedindo o avanço da frente fria. No entanto, essas condições climáticas devem seguir até meados da próxima semana.  

De acordo com a Chefe do Centro de Análise e Previsão do Tempo do Inmet, Morgana Almeida, um veranico está atingindo o sul do país e diferente da região sudeste que nesta época do ano costuma ter um clima mais seco. “Esse veranico se deu por conta de um bloqueio atmosférico em que está com uma circulação de alta pressão que impede que as frentes frias que cheguem ao extremo sul do continente avancem no sul”, afirma.

Contudo, as previsões climáticas indicam até pelo menos a metade da próxima semana não terá alterações no clima e as chuvas devem ficar concentradas nos extremos. “Essa condição não é muito normal acontecer esse tipo de bloqueio, porém vemos mais esse acontecimento no verão”, comenta.

Os modelos climáticos indicam que as precipitações estão bem concentradas no Uruguai e no extremo norte e na faixa leste do nordeste do Brasil. “Essas instabilidades entre os estados de Pernambuco e Rio Grande do Norte perderam forças ontem, mas continua chovendo e com menos intensidade”, pontua.

No 21 de junho será o início do inverno, a expectativa é que as temperaturas fiquem mais baixas na área sul do país. “Porém, essas condições climáticas podem acontecer a partir do dia 22 deste mês”, conclui.

Por: Aleksander Horta e Andressa Simão
Fonte: Notícias Agrícolas

0 comentário