ENTREVISTA: Confira a entrevista com Paulo Piau - Dep. Fed. PMDB-MG

Publicado em 15/02/2012 13:00 585 exibições
Código Florestal: Relator do projeto na Câmara busca acordo com MAPA e Ministério das Relações Internacionais para agilizar o processo de votação. Luta pela consolidação de atividades agrícolas em áreas de APPs deve continuar a fim de evitar a supressão de cerca de 33 milhões de hectares de áreas produtivas no Brasil.

7 comentários

  • Paulo Roberto Rensi Bandeirantes - PR

    Sr. João Olivi , na minha humilde condição de um velho matuto ou vice-versa, o “Novo Código Florestal não seria um CAVALO DE TRÓIA no mundo atual”?. Sim, porque todas as atenções se voltam no intuito de que os “nós do Novo Código se desatem” enquanto fatos que têm tirado o sono de muitos produtores rurais continuam acontecendo e, são vistos como problemas pontuais. Exemplos : produtores de trigo, laranja, carne ( bovina, suína e de frango ), arroz, mandioca, enfim ... a lista é grande !. Porque o setor é tão desequilibrado ?, onde está a sustentabilidade do agronegócio ?. Se a resposta for que o setor é muito complexo, o que falta é competência dos envolvidos em resolver os problemas, ou melhor, prevenir para que não ocorram !. ....” E VAMOS EM FRENTE ! ! ! “ ....

    0
  • carlo meloni sao paulo - SP

    Paulo de Tarso, me desculpe, mas o senhor nada mais e' do que um

    produtor enganado entre milhoes--Rebelo ganhou nossa confiança e nos

    ultimos momentos nos' traiu a todos retirando do projeto tudo o que

    o governo queria, inclusive a indenizaçao de lavora que consta do codigo atual, a ser inutilizada pela lei..O ministro da agricultura mesmo

    o mais honesto Stephanes, nunca atuaram para o bem do agricultor,

    eles estimulam o plantio para agradar os eleitores das cidades que

    sao maioria, e todos desaparecem quando surge um problema de

    estiagem o de preço.--A senadora Katia da CNA esta' amarrada ao

    governo para receber a contribuiçao sindical---O deputado Caiado virou

    Cansado---Queridos produtores a 15 dias da votaçao voces descobrem

    que ficaram orfaos.---O seu amigo Piau quer votar, mas ele nao tem um pingo de inteligencia, diante desse quadro nao e' para votar nada

    e preciso detonar o EMBUSTE que colocaram na mesa.

    0
  • Paulo de Tarso Pereira Gomes Brazópolis - MG

    Meu caro colega digital Waldir sversutti, respeito o deputado Paulo Piau também como competente agrônomo com serviços prestados com relevância e destaque na Emater MG, o que me deixa entristecido é que ninguém assume realmente uma posição mais enérgica perante o governo, pois nem o ministro da agricultura é se não me engano do mesmo partido do deputado e não ajuda em nada mesmo os dois sendo da base aliada, vejo uma grande diferença de postura em relatoria quando o relator era o deputado Aldo Rebelo que por sinal enfrentou tudo e todos neoambientalistas mesmo contrariando a presidente Dilma, sei que ele fez constatações mas suas convicções quanto a verdade sobre o código deveria ser mais enérgica e explicita, mostrando e impondo as mudanças mesmo que anule tudo e voltemos a estaca zero, ai quem sabe os deputados e senadores levem mais a sério e votem um código mais democrático que respeite o patrimônio dos sofridos agricultores brasileiros que estão sendo dilapidados em seu patrimônio sem indenizações e respeito. ,

    0
  • Waldir Sversutti Maringá - PR

    ENTREVISTA COM PAULO PIAU - CONSTATAÇÕES:

    Não procede, o que disse o colega internauta Paulo de Tarso Pereira Gomes, pois o Deputado Paulo Piau, nos 2 casos, FEZ apenas constatações, pois se limitou a transmitir dados a serem confirmados, dispondo-se a cerrar fileiras na Câmara, para corrigir isso, inclusive iniciar a formulação do texto que tratará da irrigação. É até compreensível que tenham se esquecido de incluir a irrigação, pois o principal assunto, aquele que vem assanhando os ambientalistas, todos sem exceção, foi batizado com o nome de Código FLORESTAL e não AMBIENTAL.

    Quanto ao número estimado pelo Ministério do Meio Ambiente, de redução de áreas hoje em produção, de 33 milhões de hectares, mesmo que fosse apenas 3 milhões, não se conceberia, somente para atender os ambientalóides assanhados, aqueles que desempenham o papel de inocentes úteis para o Greenpeace e as ONGs internacionais.em detrimento da produção e inflação dos alimentos.

    KD A CAMPANHA DAS NOSSAS ENTIDADES CONTRA ESSAS INGERENCIAS ?

    WS

    0
  • Waldir Sversutti Maringá - PR

    CONSTATAÇÕES PAULO PIAU

    Não procede, o que disse o colega internauta Paulo de Tarso Pereira Gomes, pois o Deputado Paulo Piau, nos 2 casos, FEZ apenas constatações, pois se limitou a transmitir dados a serem confirmados, dispondo-se a cerrar fileiras na Câmara, para corrigir isso, inclusive iniciar a formulação do texto que tratará da irrigação. É até compreensível que tenham se esquecido de incluir a irrigação, pois o principal assunto, aquele que vem assanhando os ambientalistas, todos sem exceção, foi batizado com o nome de Código FLORESTAL e não AMBIENTAL.

    Quanto ao número estimado pelo Ministério do Meio Ambiente, de redução de áreas hoje em produção, de 33 milhões de hectares, mesmo que fosse apenas 3 milhões, não se conceberia, somente para atender os ambientalóides assanhados, aqueles que desempenham o papel de inocentes úteis para o Greenpeace e as ONGs internacionais.em detrimento da produção e inflação dos alimentos.

    KD A CAMPANHA DAS NOSSAS ENTIDADES CONTRA ESSAS INGERENCIAS ?

    WS

    0
  • Paulo de Tarso Pereira Gomes Brazópolis - MG

    Que me desculpe o Deputado Paulo Piau, perder 33 milhões de hectares de área produtiva, irrigação impossibilitada no novo código, restrições acima de 25 % de inclinação e etc, meu caro deputado, peca o boné e vá fazer outra coisa na vida ou volte a Emater onde com certeza vai ser mais útil.

    0
  • carlo meloni sao paulo - SP

    Produtor voce e' teimoso, quer plantar de qualquer jeito e depois vem

    se ajoelhar para nao pagar a divida--Voce e' um besta quadrada pense

    melhor antes de plantar, nao plante sem ter seguro.

    0