ENTREVISTA: Confira a entrevista com Wilson José Redivo - Diretor Sind. Rural Sinop

Publicado em 11/09/2013 09:28
415 exibições
Milho: Altos custos com transporte dificultam o escoamento da produção mato-grossense. Na região de Sinop, o frete gira em torno R$ 17,00 a saca do cereal. Agricultores tentam limpar os armazéns para a próxima safra de verão. Preços do milho continuam baixos e não cobrem os custos de produção.

2 comentários

  • Liones Severo Porto Alegre - RS

    Soja: embora o USDA tenha estimado que as importações chinesas a 59 mmt e depois 57,5 mmt, as importações chinesas já ultrapassam 60 milhões de tons. Se os 7 milhões de tons de soja que estão em navios no mar, navegando para a China, chegaram até o fim deste mes de setembro, as importações chinesas de soja somarão 63 milhões de tons. Para 2013/14 ão serão menos de 69 milhões de tons. Se os americanos reduzirem as importações chineses para acomodar seus déficits de produto, não acreditem.

    0
  • Liones Severo Porto Alegre - RS

    Milho: de janeiro a agosto o Brasil já embarcou 11,088 milhões de tons e tem navios nos portos para carregar 4,78 milhões de tons. Nos portos americanos tem filas de navios esperando colher o milho para embarcar para a China. O milho brasileira será todo exportado. Agora, dizer que vai sobrar 10 milhões de tons somente deprecia o valor do milho brasileiro que já está bem vendido para destinos só que porque as tradings vão pagar mais pelo milho se estamos confessando para o mercado que temos milho sobrando ???

    0