DA REDAÇÃO: Soja – Em Douradina (MS), área cultivada com o grão deve registrar incremento de 5%

Publicado em 13/09/2013 15:57 e atualizado em 13/09/2013 17:12
424 exibições
Safra 2013/14: Em Douradina (MS), área cultivada com soja deve registrar incremento de 5%. Produtores irão migrar do plantio do arroz irrigado para a oleaginosa. Saca do grão é negociada a R$ 58,00 e a expectativa é que sejam colhidas, em média, 65 sacas por hectare.

Em Douradina (MS), os produtores rurais já adquiriram os pacotes para o plantio da safra de verão e aguardam as primeiras chuvas. As previsões climáticas indicam precipitações para a região no próximo final de semana. O vazio sanitário termina no próximo domingo (15), mas a semeadura deve ganhar ritmo após o dia 25 de setembro.

Além disso, alguns produtores que cultivaram o milho safrinha juntamente com a braquiária terão que esperar mais alguns dias para fazer a dessecação da área, já que as geadas afetaram o capim. Segundo o presidente do Sindicato Rural da cidade, Cláudio Pradela, os brotos ainda estão pequenos e precisam crescer para proporcionar melhor cobertura ao solo.

“Esse ano a cobertura será fraca, pois não vai dar tempo de esperar. Entretanto, a situação não deve atrasar o plantio da soja, somente o produtor que quiser realmente esperar pode atrasar um pouco. Mas acho que a maioria irá fazer a dessecação após as chuvas”, afirma o presidente.

A expectativa é que a área cultivada com soja registre um incremente em torno de 5%. Muitos produtores irão migrar do plantio do arroz irrigado para a oleaginosa, em função dos bons preços da soja. No município, a saca do grão é negociada entre R$ 57,00 e R$ 58,00. 

“Os produtores rurais esperam colher entre 65 e 70 sacas hectares de soja nesta safra. Porém, ainda dependeremos do clima, mas quem manda na produção é o tempo”, finaliza o presidente do sindicato.

Por: Fernanda Custódio
Fonte: Notícias Agrícolas

0 comentário