DA REDAÇÃO: Safra 2013/14 – Em Rio Verde (GO), produtores estão atentos com o aparecimento da Helicoverpa

Publicado em 19/09/2013 15:41 e atualizado em 19/09/2013 16:48
655 exibições
Safra 2013/14: Em Rio Verde (GO), produtores aguardam o término do vazio sanitário, no dia 30, para iniciarem o plantio da soja. Nesta safra, a expectativa é que sejam colhidas, entre 52 a 55 sacas por hectare. Agricultores estão atentos ao aparecimento da lagarta helicoverpa na região.

Na região de Rio Verde (GO), os produtores aguardam o término do vazio sanitário, no dia 30 de setembro, para iniciarem o plantio da soja. E apesar do aumento nos custos de produção, os agricultores estão animados, conforme destaca o presidente do Sindicato Rural do município, Walter Baylão.

A expectativa é que a produtividade média das lavouras gire em torno de 52 a 55 sacas de soja por hectare. Além disso, a previsão é que haja um incremento de 6% na área cultivada nesta safra. Assim como em várias regiões produtoras no país, as áreas de pastagens também serão destinadas à semeadura do grão.

Até o momento, em torno de 30% da safra de verão já foi negociada antecipadamente, com preços entre R$ 56,00 e R$ 59,00. “Valor que cobre parte dos custos de produção, mas esperamos que as cotações subam entre os meses de janeiro e fevereiro”, afirma o presidente.

Paralelo a esse cenário, os produtores seguem atentos com o aparecimento da lagarta helicoverpa na região. Do mesmo modo, a falta de armazéns também preocupa os agricultores que utilizam o silo bolsa para estocar a produção de grãos.

“Agora temos o milho safrinha estocado, mas os preços estão baixos, em torno de R$ 18,50 a saca, e abaixo dos custos de produção. Então, o agricultor ainda espera uma reação nos valores para avançar nas negociações”, ressalta Baylão. 

Por: Fernanda Custódio
Fonte: Notícias Agrícolas

0 comentário