DA REDAÇÃO: Sem informações do USDA, demanda da China e atraso na colheita seguram cotações da soja

Publicado em 14/10/2013 19:00
427 exibições
Safras: Colheitas de soja e milho estão atrasadas nos EUA. O mercado ainda opera sem os números oficiais do USDA, mas a demanda continua acentuada, com a China comprando soja e milho.

As cotações da soja continuam firmes em Chicago, apesar da falta de informações oficiais do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA). As notícias indicam que as colheitas estão atrasadas, mas a demanda continua acentuada, principalmente pelas compras da China.

De acordo com Steve Cachia, analista de Mercado da Cerealpar, o mercado está cauteloso, respondendo à pressão das colheitas norte-americanas. “Sabemos que a colheita está atrasada, só não sabemos quanto exatamente”.

As chuvas que atingiram partes do Corn Belt, atrasando ainda mais a colheita, também teriam contribuído para seguras os preços. Cachia afirma ainda que os estoques de soja devem permanecer baixos, devido à grande demanda. “Vamos ter mais um ano de estoque americano de soja historicamente baixo, ao contrário do milho, em que teremos estoques abundantes”. 

Fonte: Notícias Agrícolas

Nenhum comentário