DA REDAÇÃO: Grande redução de volume e qualidade do café em Itapira-SP poderá inviabilizar colheitas

Publicado em 27/03/2014 13:17 e atualizado em 27/03/2014 16:50 711 exibições
Café: Análise de grãos de 5 e 3 anos e meio de Itapira (SP) encontrou um aproveitamento de apenas 12% a cada 200g de café analisados. Normalmente, as rendas de café variam de 46% a 56%.

A baixa produtividade das lavouras de café em Itapira, interior de São Paulo, está confirmando o temor de cafeicultores de todo o país. Amostras coletadas em duas lavouras, de 3,5 e 5,5 anos, da variedade catuaí, indicaram perda pelomenos quatro vezes maior que o normal.

Luiz Carlos Franco de Moraes, diretor da Obatã Com. e Benefício de Café Ltda, empresa que fez as análises, afirma que o volume e a qualidade do café são tão baixos que não compensam o custo da colheita. "Em 200 gramas, tiveram aproveitamento de 24 gramas, o que daria 12% de renda". Normalmente, a renda seria de 46% a 56%. "Não vai compensar fazer a colheita, ele vai precisar de 4 vezes mais café para fazer uma saca limpa". 

A qualidade do café,segundo Franco, também está comprometida. "Este café dá mais ou menos 50% de catação de grãos chocho e defeituoso... Isso diminui o preço de venda dele". Ele afirma ainda que a amostra é representativa, já que os cafezais da vizinhança estão na mesma condição. "A quebra é bem maior do que estão falando".  
 


 

Fonte:
Notícias Agrícolas

0 comentário