DA REDAÇÃO: Cotações do café voltam a cair em NY, mas fundamentos ainda são altistas

Publicado em 01/04/2014 19:01 e atualizado em 01/04/2014 19:41 519 exibições
Café: Cotações do arábica voltaram a cair, devido as previsões de chuvas no Brasil, porém, analistas afirmam que esperar que as chuvas recuperem os danos já causados ao café é um equívoco.

Apesar das últimas quedas no mercado do café arábica na Bolsa de Nova Iorque, tudo indica que a safra brasileira será pequena e os preços devem voltar a subir. É o que defende o analista de mercado Airton Neves.

Ele explica que as últimas notícias que indicam previsão de chuvas para o sudeste brasileiro podem ter sido interpretadas pelo mercado internacional como a solução para a seca prolongada que tem causado prejuízo aos cafezais. Porém, a situação é bem diferente. “É um equívoco, pois a chuva que chegou ainda é insuficiente e está simplesmente amenizando perdas para a próxima safra, porque para esta ainda está muito grande”.   

Outro fator que a ser observado, segundo Neves, é que o mercado subiu muito nos últimos dois meses, provocando agora um movimento de realização de lucros. “Exagerou tanto para subir quanto para cair. Pode ser que agora teremos um realinhamento e o mercado comece a evoluir novamente”. 

As antecipações de colheita, segundo o analista, costumam ser um fator baixista para o mercado, mas não no cenário atual. “Assim que começarem a colher, principalmente nas regiões que antecipam a colheita, vai se verificar que a quebra é realmente significativa e pode até superar as expectativas... Acho que vai dar suporte para trabalhar deste piso em que estamos para cima”.

Fonte:
Notícias Agrícolas

0 comentário