DA REDAÇÃO: Safra de milho tem desenvolvimento favorável em Rio Verde-GO e deve garantir boa remuneração para produtores

Publicado em 07/04/2014 19:07 e atualizado em 07/04/2014 19:46 484 exibições
Milho: Boa produtividade em Rio Verde-GO poderá compensar perdas que produtores tiveram com a soja no estado. A expectativa é que os preços do milho e da soja registrem novas altas diante da oferta reduzida.

A safra de milho se desenvolve bem em Rio Verde-GO, apesar das chuvas. De acordo com o analista de mercado Vlamir Brandalizze, essa safra deve compensar as perdas com a soja na região. “O produtor está acreditando que o milho, que está com cotações mais atrativas este ano, vai compensar a venda que ele perdeu na soja... A maioria teve produtividade de 30 a 40 sacas de soja por hectare, quando esperava de 50 sacas para cima”.

Brandalizze explica que no sudoeste goiano o milho foi plantado em um período ideal. “Ele tem um potencial de produção bem melhor do que a gente viu em Mato Grosso, onde as lavouras foram plantadas com atraso e mostram uma qualidade bem inferior do que estamos vendo aqui”. 

O mercado aguarda agora o relatório de oferta e demanda a ser divulgado pelo USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) na quarta-feira (9). “O USDA vai ser obrigado a ajustar os estoques para baixo, ou terá que aumentar as importações para equilibrar o quadro dele”. 

O analista explica que o quadro de oferta de soja dos EUA está bastante apertado.  “O relatório de hoje dos embarques já veio com 40,7 milhões de toneladas embarcadas e a projeção do USDA é 42,6 mi de toneladas para o ano todo, que vai até o começo de setembro”. Sem o volume necessário de soja para atender sua demanda, os EUA deverão recorrer à importação de soja brasileira, de acordo com Brandalizze.  

Fonte:
Notícias Agrícolas

0 comentário