DA REDAÇÃO: Café tem queda passageira e especulativa em NY, segundo analista

Publicado em 15/04/2014 19:09 e atualizado em 15/04/2014 19:59 735 exibições
Café: Queda nas cotações do café arábica na Bolsa de Nova Iorque foi técnica, passageira e especulativa. Fundamentos para o café são positivos e os preço devem voltar a subir.

Mercado do café fecha em queda de mais de 1.200 pontos na Bolsa de Nova Iorque nesta terça-feira (15). Agências internacionais apontam as chuvas nas regiões produtoras como a razão das quedas. Para Marcus Magalhães, diretor executivo da Maros Corretora, o mercado está muito volátil, mas não há explicação para uma queda tão acentuada. "Não houve nenhum fato novo no quadro fundamental que seja capaz de reverter a atual safra que vamos colher a daqui mais 30, 40 ou 50 que respaldasse um movimento tão absurdo e grosseiro como o que vimos em Nova Iorque hoje no fechamento do trabalho. Acho que é um movimento meramente especulativo".  

Marcus explica que a volatilidade do mercado "tem aberto janelas e portas de entrada" muito interessantes no negócio do café, atraindo investidores e especuladores. "O jogo em NY é meramente especulativo, de cachorro grande, e não reflete a realidade das origens produtoras onde os preços de café não têm essa oscilação como tem a oscilação em NY em fração de meia hora, 40 minutos". 

Segundo o diretor da Maros Corretora, a baixa é "técnica, passageira e  especulativa e é muito mais uma janela de entrada do que uma porta de saída". Ele ressalta ainda que agora não é hora de vender, e sim de observar o mercado. 

Fonte:
Notícias Agrícolas

0 comentário