DA REDAÇÃO: Milho – Colheita da safrinha atinge 10% em Jataí (GO) e pressiona os preços

Publicado em 27/06/2014 10:23 e atualizado em 27/06/2014 15:30 349 exibições
Milho: Colheita da safrinha alcança 10% da área cultivada na região de Jataí (GO). Produtividade irá depender da época do plantio e dos investimentos nas lavouras. Cotações já recuaram e giram em torno de R$ 17,00 a saca do grão. Negócios são mais lentos e produtores devem segurar o produto à espera de preços melhores.

Os produtores rurais iniciam a colheita do milho safrinha na região de Jataí (GO). Até o momento, cerca de 5% a 10% da área já foi colhida. A expectativa é que os trabalhos nos campos ganhem ritmo a partir da próxima semana. Em relação à safra, as perspectivas são positivas, já que as chuvas contribuíram para o desenvolvimento das plantas.

Para Mozart Carvalho de Assis, produtor rural do município, ainda não é possível sinalizar uma média de produtividade, uma vez que boa parte dos agricultores arriscou e cultivou o grão fora da janela ideal. “Quem plantou em meados de fevereiro pode ter alguma redução no rendimento, mas a expectativa é que a produção ultrapasse o volume colhido na safra anterior”, diz.

Preços

Com o avanço da colheita da segunda safra, os preços do cereal estão pressionados no mercado interno. Em Jataí, as cotações recuaram de R$ 20,00, para R$ 17,00, valor abaixo do preço mínimo fixado para a região ao redor de R$ 18,30. O produtor ainda destaca que mesmo com os valores em patamares menores, alguns negócios pontuais são feitos. 

“Todo ano acontece a mesma coisa, os preços baixam nesse período, porém depois de um ou dois meses voltam a subir. Já deveríamos ter tido a intervenção do Governo no mercado, mas eles têm ganhado dinheiro com essa estratégia. O Governo compra o produto a preço mínimo e depois vende a valores mais altos”, acredita Assis. 

Por:
Fernanda Custódio
Fonte:
Notícias Agrícolas

0 comentário