EXCLUSIVO: Independência quer suspender pagamentos, mas pecuaristas optam por falência

Publicado em 06/09/2010 14:00 e atualizado em 06/09/2010 18:30
508 exibições
Independência: frigorifico deverá pedir suspensão dos pagamentos aos pecuaristas de 4 a 6 meses. Mas federações e produtores estão propensos a não conceder mais prazos. Tendência é de a maioria decidir pela falência do Grupo na assembléia de quarta-feira.

 

Depois de enfim iniciarem o pagamento dos pecuaristas-credores em abril deste ano em processo de recuperação judicial, o frigorífico Independência deverá suspender os pagamentos aos produtores entre quatro a seis meses. São convocados para uma assembléia na quarta-feira (08) as federações e produtores a fim de decidir o futuro do Grupo.

<?xml:namespace prefix = o ns = "urn:schemas-microsoft-com:office:office" />

 

Paulo Martins, pecuarista de Presidente Prudente, afirma que nem as federações e muito menos os produtores estão a favor de conceder mais prazo ao Independência e a tendência é de que a maioria decida pela falência da empresa frigorífica. Assim como outros credores, Martins está indignado com a falta de cumprimento de compromisso assumido por eles para com os produtores.

 

O pecuarista alerta para a importância da presença de toda a cadeia credora nesta assembléia junto das federações e advogados para não dar chance de que o frigorífico tente mais uma vez enrolar os participantes.

Fonte: Redação NA

Nenhum comentário