EXCLUSIVO: Conab fará mais um leilão de PEP para o MT e aposta em aumento da exportação com demanda chinesa

Publicado em 09/09/2010 14:14 e atualizado em 09/09/2010 18:11
719 exibições
Milho: novo leilão de PEP será de 300 mil toneladas, exclusiva para algumas regiões de Mato Grosso, e com escoamento dentro do País (sem exportação). Conab considera ser possível exportar mais de 10 milhões de ton ainda este ano.

 

A Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) realizará mais um leilão de Prêmio para Escoamento do Produto (PEP) de milho, onde 300 mil toneladas deverão ser ofertadas exclusivamente em apenas algumas regiões do Mato Grosso, com até 12 variações de preços. O escoamento do produto será destinado ao mercado interno já que a Conab considera ser possível exportar mais de 10 milhões de toneladas ainda este ano.

<?xml:namespace prefix = o ns = "urn:schemas-microsoft-com:office:office" />

 

Como principal fundamento de sustentação de preços no mercado internacional, a China agora começou a demandar milho dos Estados Unidos e possivelmente, demandará produto brasileiro. Com isso, os estoques de passagem da Conab estimados em 12 milhões de toneladas poderá ser todo exportado.

 

Por outro lado, Telmo Heinen, especialista em comercialização, alerta que é preciso confirmar o escoamento dos leilões que acontecerão este ano , assim como o pagamento dos prêmios para que exista negociação. Caso as traders não conseguirem vender o milho no mercado internacional, o produto voltará para mercado interno brasileiro, ocasionando volatilidade nos preços.

 

Enquanto isso, o especialista concorda que a base de preços na BM&F (Bolsa de Mercadorias e Futuros), entre R$ 25,00 e R$ 30,00 em Campinas é remunerador até mesmo aos produtores do interior do Brasil.

Fonte: Redação NA

Nenhum comentário