EXCLUSIVO: Estiagem diminui produção de leite neste segundo semestre

Publicado em 24/09/2010 11:07 e atualizado em 24/09/2010 13:34
555 exibições
Leite: clima seco repercute em menor produção para a indústria. Mercado deve se manter firme com a menor oferta. Preço médio pago ao produtor é de R$ 0,71/litro.

 

O mercado do leite tem sido pressionado nos últimos três meses, onde os preços já registram recuo de 10% por todo o centro-sul do Brasil. Em ano atípico para o setor, a oferta apareceu no primeiro semestre, enquanto que agora, a seca reflete diretamente em menor produção para a indústria.

<?xml:namespace prefix = o ns = "urn:schemas-microsoft-com:office:office" />

 

O pagamento dos produtores em setembro referente a produção de agosto, já com reflexo da seca, gira em torno de R$ 0,71 por litro de leite, valor até 8% menor relacionado ao mesmo período do ano passado. O menor preço preocupa o setor que vê seu custo de produção aumentar com o milho subindo até 20% no preço em dois meses e a soja em ascensão desde abril.

 

Segundo o consultor da Scot Consultoria, Rafael Ribeiro de Lima Filho, a tendência para o curto prazo deve ser de mercado firme e a partir de novembro e/ou dezembro, o produtor precisa avaliar como ficará a oferta após a melhora das pastagens com a retomada das chuvas previstas para o início de outubro.

 

No mercado interno os preços se recuperam principalmente do leite em pó e do queijo, depois de cair por três meses consecutivos. As exportações vêm em número menor este ano.

Fonte: Redação NA

Nenhum comentário