EXCLUSIVO: Consultor avalia que falta de açúcar no mundo eleva preços ainda por 2 safras

Publicado em 07/10/2010 19:04
436 exibições
Açúcar (e também o algodão) tem forte alta nesta quinta-feira na Bolsa de N. York. O clima no Brasil, com chuvas atrasadas, faz o mercado explodir. Etanol sobe nas usinas e nos postos. Algodão bate no limite de alta...

 

As produções de cana-de-açúcar do mundo foram fortemente afetadas pela variação climática e falta açúcar para abastecer a demanda. O Brasil é um importante player do mercado que, após severas perdas na Índia, se tornou o maior exportador global. Porém, menor umidade nos solos brasileiros reduz até 4% da produção.

<?xml:namespace prefix = o ns = "urn:schemas-microsoft-com:office:office" />

 

Segundo o presidente da G7 Agrocommodities, João Oswaldo Baggio, reafirma que pelas próximas duas safras as cotações internacionais do açúcar serão sustentadas devido a perda na produtividade das safras pelo mundo.

 

Os preços do etanol da cana também estão em alta. O valor do álcool anidro e do hidratado já romperam a barreira de R$ 1,00 por litro na usina. No posto, o consumidor paga até R$ 1,67 e pode substituir pela gasolina.

Fonte: Redação NA

Nenhum comentário