EXCLUSIVO: Paraná reduz área plantada de milho enquanto os preços disparam em Chicago

Publicado em 14/10/2010 19:30
346 exibições
Milho do Paraná já está plantado, mas com redução de área, porque os preços não estimularam os agricultores. As chuvas chegaram em quantidade, e a perspectiva é de uma safra paranaense tranquila.
Enquanto o Mato Grosso espera a entrada das chuvas previstas com maior intensidade a partir do dia 20 de outubro para iniciar o plantio das safras, o Paraná já semeou sua safra de milho e antecipa a de soja. Com preços baixos entre junho e julho, a produção deverá ser reduzida.

Segundo o presidente da Coamo (Agroindustrial Cooperativa de Campo Mourão), José Aroldo Galassini, a redução das lavouras de milho de Campo Mourão (PR) chegam a 17,6% e no Paraná, pouco mais de 13%. No entanto, com as cotações positivas, os produtores voltam a se animar com o plantio da nova safra.

Vale lembrar que o Governo está escoando o cereal através das exportações, adquirida pelo PEP (Prêmio para Escoamento do Produto), cerca de 10 milhões de toneladas e o presidente da Coamo afirma sobrar nos estoques de passagem.

Galassini prevê que mesmo com a redução de áreas plantadas e expectativa de que o consumo aumente no próximo ano safra 2010/11, os preços sejam suportados por essa demanda.
Fonte: Redação NA

Nenhum comentário