ENTREVISTA: Confira a entrevista com Alberto Ercílio Broch - Pres. Contag

Publicado em 29/04/2011 14:12 390 exibições
Código Florestal: Contag propõe 18 novos pontos para documento do dep. Aldo Rebelo, em defesa da agricultura familiar. Entidade apóia mudança na legislação ambiental e estará presente em Brasília na votação.

2 comentários

  • Telmo Heinen Formosa - GO

    É justo, muito justo que as regras sejam aplicadas em "cascata" se não o proprietário de 4 módulos + 1,0 ha verá tolhida uma parte considerável da sua área em relação àquele de exatos 4 módulos. O Dirigente em questão é bem "esquerdista" - em vez de lutar para obter vantagens para sua própria classe, luta para rebaixar as vantagerns dos outros. Bom, pelo menos já reconhece as mazelas do atual arremedo de legislação que temos aí... A RESERVA Legal na região amazônica pode até justificar-se, mas no resto do país não uma vez que menos de 21% das terras brasileiras são agriculturáveis. Para o cultivo de grãos hoje em dia exploramos 37 milhões de hectares dos mais de 850 milhões de hectares do Brasil, apenas 4,35%. Com a cana, a fruticultura, hortaliças e reflorestamentos, utilizamos quase outros de 23 milhões de hectares, totalizando 60 milhões ou seja 7,0% do território. Onde é que tem área para cada um triplicar a sua lavoura? Me diga?:

    0
  • Almir José Rebelo de Oliveira Tupanciretã - RS

    Vejam a fragilidade da argumentação do presidente da Contag. Primeiro ele era contra o relatório do dep. Aldo quando foi votado na Comissão. Aí a Fetag salvou a Contag. Eu sou proprietário de área menor que 4 módulos e defendo a isenção de reserva legal para todos os produtores principalmente para aqueles que possuirem área de 4 modulos + 1 ha por exemplo! Defender somente para a agricultura familiar por que a lei a diferencia, porque a previdência social e outras coisas, falando dos grandes e latifúndios é não, possuir espirito de patriotismo. Isso é a prova do que denunciei aqui no site de que não deveriamos aceitar 4 módulos somente para pequenos porque era a divisão da classe produtora. Vejam, no interessa o aspecto ambiental da APP e Reserva Legal. Então porque para a agricultura familiar serve 15 m ou 7,5 de mata ciliar e para os demais produtores não? Essa desinformação é desastrosa para o Brasil. Portanto, vamos defender o produtor brasileiro, o ambiente brasileiro contra esse golpe armado via ambientalismo internacional ao ponto do nosso Brasil parar hoje para assistir o casamento.... mas voces sabiam que o time do noivo está prquestrando contra o código ambiental brasileiro? Portanto, salvemos o Brasil!! Vamos a Brasília ajudar nossos deputados a aprovar o Código que não divide produtores, preserva meio ambiente e alimenta o povo brasileiro. vejam! fizeram a presidenta assinar que vetaria pontos que vai ajudar os produtores brasileiros e agora estão ameaçando ou chantageando a Presidenta. Pois se a Presidenta vetar, vamos DERRUBAR o veto e vamos salvar o Brasil.

    Abraços.

    Almir Rebelo

    0