Scot Consultoria: Menor oferta de boiadas leva a novas altas em São Paulo

Publicado em 18/11/2021 17:24 167 exibições

Jessica Olivier
engenheira agrônoma
Scot Consultoria

O volume enxuto de animais terminados fez com que os compradores negociassem preços mais altos nessa quinta-feira (18/11). Em relação ao dia anterior, a alta foi de R$10,00/@ para todas as categorias. 

Com isso, o boi gordo está sendo comercializado em R$310,00/@, a vaca gorda em R$285,00/@ e a novilha gorda em R$297,00/@, preços brutos e prazo. Preços acima da referência estão acontecendo, mas ainda não são uma referência.

Com os ajustes, as indústrias aumentaram mais um dia nas escalas de abate, que atendem, em média, 5 dias.

Sudeste de Rondônia

O mesmo cenário de dificuldade de compras na região levou à alta de R$5,00/@ em todas as categorias destinadas ao abate na comparação feita dia a dia. As referências para o boi, vaca e novilha gordos estão em R$285,00/@, R$270,00/@ e R$275,00/@, respectivamente, preços brutos e a prazo.

Espírito Santo

No estado, as escalas relativamente curtas têm pressionado as cotações. Com isso, o boi gordo teve alta de R$5,00/@ e está sendo negociado a R$290,00/@, preço bruto e prazo. A vaca e a novilha tiveram altas de R$7,00/@ e R$3,00/@ e estão cotadas em R$280,00/@ e R$290,00/@, na mesma ordem e condição de pagamento.

Fonte:
Scot Consultoria

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário