Fala Produtor - Mensagem

  • LIONES SEVERO PORTO ALEGRE - RS 13/04/2019 09:19

    O RaboBank é o único agente que está alardeando sacrifício de 30 % do rebanho de suínos chinês. Importantes instituições chineses, como o JCI, divulgou estimativas de 10 %. Começa que o número do estoque vivo de suínos chinês passa de 500 milhões de cabeças. Não sabem a diferença entre o plantel e a matança para alimentação. Até agora foram 126 casos de peste suína com sacrifício de 1,1 milhões de cabeças... Ou 0,1% do rebanho... Ademais dizem o que recomposição do plantel levará 3 a 5 anos, quando o governo divulga que será de 3 a 9 meses... Segundo ainda o governo, o consumo deste ficará em 53,5 milhões de toneladas quando nos anteriores chegou a 57 milhões de cabeças, e a importação está estimada em 2,2 milhões de tons... A estimativa do RaboBank não tem similar em nenhuma instituição de estatística global. Difícil entender que um banco especializado em financiar o agronegócio esteja sempre produzindo notícias baixistas..., e não é apenas esse caso.., mas são useiros e vezeiros em divulgar noticias baixistas para soja, café, etc. ? Tanto é que sempre se referem aos grandes estoques de soja que inexistem....

    Comentário referente a notícia: Rabobank vê até 200 milhões de porcos mortos por surto de peste na China (REUTERS)

    6
    • LIONES SEVEROPORTO ALEGRE - RS

      As estimativas do RaboBank não se sustentam porque em 2018, a produção de ração da China aumentou 2,8% no ano para 227,88 milhões de toneladas . A produção de ração para suínos caiu apenas 0,9% para 97,2 milhões de toneladas. A produção de rações para poedeiras aumentou 1,8% para 29,84 milhões de toneladas, a produção de ração frangos de corte subiu 8,2% para 65,09 milhões de toneladas, a produção de ração para pesados subiu 6,3% para 22,11 milhões de toneladas e a produção de ruminantes cresceu 8,9% para 10,04 milhões de toneladas e outra produção animais caiu 10,7% para 3,6 milhões de toneladas. Mas vamos aceitar que os números do Rabobank esteja certo. Então, os estoque de animais vivos no mundo irá desaparecer porque os chineses não reduzirão sua dieta, até porque o governo esta estimulando o consumo com aumento do poder aquisitivo do povo com taxas d acima do crescimento do PIB. O resultado, seria um movimento super altista para os alimentos, inclusive commodities agrícolas, já que o consumo irá permanecer, apenas haverá o deslocamento da produção da China para o resto do mundo.

      4
    • LIONES SEVEROPORTO ALEGRE - RS

      Importante notar que a China tem 23% da população global e seu consumo de carnes é quase 10% da produção mundial de carnes. É o segundo maior consumidor global de alimentos com 2,1 kg per capita/day, ficando atrás apenas dos EUA com 2,9 kg per capita/day. Seu rebanho de gado é o segundo maior rebanho comercial do mundo com 142 milhões de cabeças, ficando atrás apenas da Índia (não comercial) e do Brasil. A produção de frangos de corte está disparando, o que é melhor para os países produtores de soja, porque para produzir 1 kg de carne de frango é necessário 575 gramas de soja, e para 1 kg de ovos precisa de 307 kg gramas de soja e para produzir 1 kg de carne suína é necessário 263 gramas de soja, ... soja em grão na conversão para farelo de soja. O melhor de tudo é que tem capital para comprar os alimentos que precisarem de qualquer lugar do mundo.

      4
    • ADALBERTO JOSÉ MUNHOZCAMPO MOURÃO - PR

      Bom dia, como sempre claro correto baseado em fundamentos, não em papéis com interesses contra quem produz muita saúde e paz Sr. Liones quem sabe o que fala nesse caso tem base na realidade pois conhece o fundamento da coisa... abraços

      3