Índios Caiuás realizam manifesto por mais saúde na rodovia MS 386

Publicado em 23/05/2013 21:49 572 exibições
por Bruno Martins, de A Gazeta News

Índios Guarani Caiuá moradores da Aldeia Amambai, realizaram na manhã dessa quinta-feira, dia 23, um manifesto pacífico em prol de melhorias da qualidade dos serviços de saúde da comunidade, na rodovia MS 386 que liga Amambai à Ponta Porã, próximo a uma das entradas da aldeia.

Os indígenas bloquearam parcialmente ambos os lados da rodovia e distribuíram entre os motoristas que trafegavam, panfletos que explicativos sobre as reivindicações da comunidade. Segundo Italiano Vasques, capitão da aldeia, “o intuito desse movimento é apenas chamar a atenção governamental para a precariedade da saúde indígena, muitas pessoas dizem que nossos pedidos são outros como as demarcações de terras, mais na verdade o que nós queremos e precisamos é de saúde de mais qualidade para o nosso povo”. Comentou Italiano.

Entre os questionamentos dos indígenas estão: Espaços físicos dos postos de saúde nas aldeias prestes a desabar sobre os pacientes, postos de saúde sem equipamentos e estruturas necessárias para os profissionais de saúde desempenharem suas funções, viaturas de plantão caindo aos pedações colocando em perigo os pacientes, falta de combustíveis para atividades dos polos base dentro das aldeias, postos de saúde sem medicamento para a população indígena, falta de saneamento básico dentro das aldeias.

Um dos integrantes do conselho de saúde indígena, Estanislau Lopes relatou que “nós indígenas do Estado, estamos sendo usados para uma disputa de interesses, mais o que na verdade todos nós queremos é uma vida mais digna e com todo o direito a uma saúde de qualidade”. Comentou o morador da aldeia.

Os indígenas iniciaram seu manifesto às 07h horas da manhã e encerraram por volta das 11h45, após entregarem seus panfletos de pedidos de ajuda a uma grande quantidade de motoristas que transitaram pela rodovia MS 386 que liga Amambai à Ponta Porã.

Tags:
Fonte:
A Gazeta News (MS)

0 comentário