Agricultura: em municípios de Mato Grosso e Bahia, PIB do agro é mais da metade do PIB total

Publicado em 16/10/2020 08:48 e atualizado em 16/10/2020 09:48 128 exibições

LOGO estadao

Nos municípios com maior valor de produção agrícola, o Produto Interno Bruto (PIB) agropecuário supera em 50% o PIB total dessas cidades. Em Sapezal (MT), líder na produção de algodão, o PIB agro em relação PIB do município é de 54,5%; em São Desidério (BA), líder do algodão na Bahia, a participação do PIB é de 66,5%. Já em Diamantino (MT), é de 54,3%, e em Formosa do Rio Preto, a participação é de 64,0%. Os números fazem parte de levantamento do Ministério da Agricultura. Para os 50 considerados mais ricos em termos de valor da produção, a média da participação do PIB agro no PIB total é de 36,8%. A maior parte desses municípios está em Mato Grosso, Goiás, Mato Grosso do Sul e Bahia.

O valor médio da produção dos 50 municípios com maior valor da produção é de R$ 1,521 bilhão. Nesse grupo de municípios, os maiores valores são observados em Sorriso (MT) R$ 3,946 bilhões, Sapezal (MT) R$ 3,338 bilhões, São Desidério (BA) R$ 3,183 bilhões, Campo Novo dos Parecis (MT) R$ 3,055 bilhões, Rio Verde (GO) R$ 2,578 bilhões e Cristalina (GO) R$ 3,338 bilhões.

De acordo com a Pesquisa Agrícola Municipal, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o valor da produção das principais culturas agrícolas do País atingiu R$ 361 bilhões em 2019, superando em 5,1% o recorde alcançado no ano anterior. Milho, algodão e cana-de-açúcar foram os principais produtos a puxar o crescimento.

Segundo o IBGE, dos 50 municípios com maior valor da produção agrícola do País, 22 municípios encontram-se no Mato Grosso, seis em Goiás, seis em Mato Grosso do Sul e seis na Bahia.

Tags:
Fonte:
Estadão Conteúdo

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário