Publicidade

Mato Grosso do Sul lidera ranking de exportações de tilápia no 1º semestre de 2021

Publicado em 26/07/2021 12:10 126 exibições

Nos seis primeiros meses deste ano, Mato Grosso do Sul exportou US$ 2,077 milhões em tilápias congeladas e filés de tilápia (frescos, congelados e refrigerados), segundo números do Mapa (Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento). Este valor foi responsável por 36,74% da receita total de US$ 5,653 milhões que o país comercializou; assunto do Mercado Agropecuário desta segunda-feira (26).

O principal destino das proteínas produzidas no estado foram os Estados Unidos que respondeu por aproximadamente 90% do faturamento, seguido pelo Canadá com 10%. Pará e Paraná são, respectivamente, o segundo e terceiro estados que mais exportaram a proteína no período.

Segundo a analista técnica do Sistema Famasul, Fernanda Oliveira, os números mostram a importante atuação de MS na piscicultura. “Estamos num momento de demanda aquecida, no mercado externo, principalmente. Ao mesmo tempo, durante a Pandemia foi verificado uma maior procura pela carne de peixe no Brasil segundo a Peixe BR, tendo em vista a necessidade de se diversificar as fontes de proteínas em casa, sendo a tilápia uma importante opção.”.

Publicidade

Auxílio na Produção

Falando em aumento na produção, a ATeG Piscicultura atendeu 154 propriedades no primeiro semestre de 2021. Nesse período foram 79 toneladas vendidas, somando mais de R$ 690 mil em receita para os produtores rurais assistidos pela Assistência Técnica e Gerencial do Senar/MS.

Os piscicultores que recebem o auxílio e supervisão dos técnicos de campo também contam com 990 mil peixes estocados e 66 hectares de lâminas d’água. Para mais informações sobre como aderir à Assistência Técnica e Gerencial acesse o link senarms.org.br.

Tags:
Fonte:
Famasul

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário