Publicidade

MAPA oficializa novo prazo para IN que define normas para as fábricas de ração animal

Publicado em 28/07/2021 14:38 127 exibições

A Associação Brasileira dos Criadores de Suínos (ABCS) comunica a prorrogação da Instrução Normativa (IN) nº 14 de 2016, por meio da portaria número 369 de 22 de julho de 2021, do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), publicada no Diário Oficial da União (DOU), desta quarta-feira (28). A IN 14 altera a IN 65 e define as normas para as fábricas de ração animal, estabelecendo os critérios e os procedimentos para fabricação, comercialização e o uso de medicamentos na alimentação animal.  A publicação trouxe um novo prazo para a entrada em vigor da normativa, estabelecido em 18 de janeiro de 2022.

Segundo o presidente da ABCS, Marcelo Lopes o MAPA tem trabalhado para publicar uma normativa exequível e por isso a revisão do texto.  “Não há dúvida que o trabalho do MAPA para adequar alguns aspectos das normas que fiscalizam as fábricas de ração serão essenciais para otimizar o uso de antimicrobianos na produção nacional, visando assim atender as demandas dos mercados consumidores”. Lopes ressalta ainda que a entidade nacional busca trabalhar junto a pasta de forma construtiva e visando o fortalecimento da suinocultura brasileira.

Embora a prorrogação esteja oficializada pela Pasta, a diretora técnica da ABCS, Charli Ludtke, ressalta que é necessário que a suinocultura continue debatendo e aperfeiçoando o conhecimento sobre o tema fábrica de ração. “Foi pensando em levar informação técnica e de qualidade que este ano a ABCS entrega a cadeia a série “Informativo Fábrica de Ração” e as apresentações do consultor Stefan Rohr, médico veterinário, especialista em alimentação animal.  A proposta da ABCS é orientar os produtores, para juntos aprimorarmos a área de alimentação animal, que é tão relevante para o setor suinícola”.

Fonte:
ABCS

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário