Publicidade

Secretaria de Agricultura e Abastecimento prorroga o prazo de início das ações sanitárias referentes ao controle dos javalis

Publicado em 29/07/2021 16:55 173 exibições

A Secretaria de Agricultura e Abastecimento publicou a Resolução SAA nº 51, de 27 de julho de 2021, que prorroga em 90 dias o prazo para o início da implantação das ações de vigilância epidemiológica, o trânsito e a destinação de carcaças de javalis (Sus scrofa) e seus híbridos, abatidos para fins de controle populacional no âmbito do estado de São Paulo, de acordo com as normas constantes na Resolução SAA nº 41, de 28 de maio de 2021. 

Após a realização de reuniões entre técnicos da Secretaria, da Coordenadoria de Defesa Agropecuária, controladores de javalis, pesquisadores e parlamentares, decidiu-se pela prorrogação do prazo para que as partes possam ter mais tempo para se preparar para o início das ações de vigilância.  

Além dos enormes prejuízos que causam, os javalis são uma ameaça às lavouras e à criação de animais e “podem ser transmissores de doenças como a peste suína clássica, a peste suína africana e a febre aftosa, portanto o controle populacional é importante e a implementação do sistema de vigilância passa a ser necessário para a gestão de riscos sanitários”, disse Willian Correa, diretor técnico do Centro de Defesa Sanitária Animal, da Coordenadoria. 

“É importante destacar que os controladores de espécies exóticas invasoras (javalis) passam a ser reconhecidos como parceiros no sistema de vigilância de doenças dos suídeos”, disse o médico veterinário Artur Felício, que junto à Coordenadoria é responsável pelo Programa Estadual de Sanidade dos Suídeos. 

Tags:
Fonte:
Secretaria da Agricultura de SP

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário