Raízen Combustíveis projeta 2º semestre em linha com planos pré-crise, diz Cosan

Publicado em 11/08/2020 11:20 52 exibições

LOGO REUTERS

SÃO PAULO (Reuters) - A Raízen Combustíveis, braço do grupo Cosan no setor, deve recuperar o desempenho no segundo semestre, em linha com 2019 e com as projeções traçadas antes da crise do novo coronavírus no Brasil, estimou a Cosan nesta terça-feira.

O grupo amargou prejuízo líquido de 174,4 milhões de reais no segundo trimestre de 2020, pressionado pelos efeitos da pandemia, queda nos preços internacionais do petróleo e impacto do câmbio sobre bônus perpétuo, conforme balanço divulgado na noite de segunda-feira.

Sobre o setor sucroenergético, o gerente executivo de Relações com Investidores da Cosan, Phillipe Casale, disse em teleconferência que a Raízen Energia foi uma das menos afetadas pela crise, dada a melhora nos preços do açúcar, embora as vendas do adoçante fiquem concentradas no terceiro e quarto trimestres para capturar uma remuneração ainda superior.

(Por Nayara Figueiredo)

Fonte:
Reuters

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário