Boi: Indústria segue retraída; preços recuam 1% em sete dias

Publicado em 02/05/2013 10:24 330 exibições
Frigoríficos continuam retraídos no mercado brasileiro de boi gordo, exercendo alguma pressão sobre as cotações da arroba, conforme dados do Cepea. A dificuldade para venda de carne no atacado e as escalas levemente mais alongadas – especialmente em função do feriado – embasaram o posicionamento da indústria no final de abril. Alguns agentes consultados pelo Cepea sinalizam que a oferta de animais teria aumentado por causa das temperaturas mais amenas, mas, em geral, não se nota influência deste fator na formação dos preços atuais. Pelo contrário, muitos operadores seguem apontando oferta estável, em patamares baixos e, por isso, os recuos de preços são atribuídos à demanda enfraquecida. Entre 23 e 30 de abril, o Indicador do boi gordo ESALQ/BM&FBovespa caiu 1,22%, fechando a R$ 99,27 nessa terça-feira.
Tags:
Fonte:
Cepea

0 comentário