Volume exportado de carne bovina alcança 130,5 mil toneladas na terceira semana de setembro/21

Publicado em 20/09/2021 15:56 307 exibições

Logotipo Notícias Agrícolas

O volume exportado de carne bovina fresca, refrigerada ou congelada atingiu 130,5 mil toneladas na terceira semana de setembro/21, sendo que no ano passado, o volume total exportado chegou a 142,3 mil toneladas. De acordo com o Analista da Safras e Mercado, Fernando Henrique Iglesias, o bom desempenho nas exportações pode ser reflexo das remessas de carne antiga que estão sendo contabilizadas. 

“Então, é provável que vejamos o resultado mais efetivo do embargo da China sobre a carne bovina brasileira na última semana deste mês ou na primeira semana de outubro. Não devemos ter novidades sobre a suspensão do embargo da China no curto prazo, já que ocorre o feriado de Festival da Lua na potência asiática”, comentou. 

A Secretária Comércio Exterior (Camex) reportou que a média diária exportada de carne bovina ficou em 10,8 mil toneladas na terceira semana de setembro/21, isso representa uma alta de 60,46% frente a média do total exportado no mesmo período do ano passado, que ficou em 6,77 mil toneladas. 

Segundo as informações da Radar Investimentos, o ritmo dos embarques até a terceira semana de setembro tem potencial para levar o consolidado exportado em set/21 a níveis recordes, se o desempenho for mantido nas próximas semanas. “Vale a pena reforçar que há boa parte do mês a ser contabilizado e os últimos dias também foram tumultuados em relação ao fluxo de notícias, o que deve alterar essas projeções abaixo”, destacou. 

Radar Investimentos - Dados exportação carne bovina - setembro/21
Dados exportação carne bovina em Setembro/21 - Radar Investimentos
????

Os preços médios na terceira semana de setembro ficaram próximos de US$ 5.810,4 mil por tonelada, na qual teve uma alta de 41,86% frente aos dados divulgados em setembro de 2020, que registraram o valor médio de US$ 4.095,9 mil por tonelada. 

O valor negociado para o produto chegou em US$ 758.369 milhões na terceira semana de setembro deste ano, tendo em vista que o preço comercializado durante o mês de setembro do ano anterior foi de US$ 583,051 milhões. A média diária ficou em US$ 63.197 milhões e registrou uma valorização de 127,63%, frente ao observado no mês de setembro do ano passado, que ficou em US$ 27,764 milhões. 

Por:
Andressa Simão
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário